segunda-feira, 3 de agosto de 2015

Lei reconhece Nível Superior aos policiais da PMDF

Hoje estive reunido no gabinete do Deputado Federal Alberto Fraga (DEM-DF) que protocolou o Projeto de Lei nº 2462, alterando a Lei 7.289 de 18/12/1984 para dispor sobre a reestruturação e reconhecimento da Carreira do Policial Militar do Distrito Federal que reconhece a carreira do Policial Militar como de Nível Superior. Vale ressaltar que desde 2009 é exigido o nível superior para ingressar nos quadros da PMDF.  

A medida acompanha o ajuste legal realizado pela Polícia Federal e Polícia Civil, que apesar de exigirem o nível superior para ingresso, só tiveram o reconhecimento da carreira como de nível superior no início de julho. 

Em 2014 foi aprovada a Lei nº 13.034 que alterava a Lei nº 9.266 de 15 de março de 1996 reorganizando as classes da Carreira Policial Federal A Polícia Civil do DF tentou emendar a Lei, porém não conseguiu por ser um projeto específico da Polícia Federal, vindo a conseguir êxito somente agora em 2015.

Vale ressaltar que foi tentado emendar o PL 8078/14 (destinado à Polícia Civil do DF) com o objetivo de incluir a Polícia Militar, já que a mesma ficara à margem desse avanço legislativo. Porém o Relator do Projeto, o também Deputado Federal Laerte Bessa e delegado de Polícia Civil, não demonstrou empenho em inserir os policiais militares, o que poderia ter sido feito acrescentando a emenda, que agora segue como Projeto de Lei de autoria exclusiva do Deputado Alberto Fraga.

Ao contrário do que se tem pregado por muitos nos corredores das casernas, tem sido uma praxe do Deputado Alberto Fraga, oriundo da classe de policiais militares do DF, seu empenho em buscar a valorização da classe incansavelmente. Recentemente encaminhou uma emenda parlamentar à Polícia Militar na ordem de 10 milhões de reais e muitas outras devem vir por aí.

Com a aprovação do Projeto de Lei nº 2462, o Artigo 11 da Lei 7.289, de 18 de dezembro de 1984, passará a vigorar com a seguinte alteração:

“Art. 11. A carreira de Policial Militar do Distrito Federal é de nível superior, exigindo-se para a matrícula nos cursos de formação dos estabelecimentos de ensino da Polícia Militar, além das condições relativas à nacionalidade, idade, aptidão intelectual e psicológica, altura, sexo, capacidade física, saúde, idoneidade moral, obrigações eleitorais, aprovação em testes toxicológicos e suas obrigações para com o serviço militar, bem como a apresentação, conforme o edital do concurso, de diploma de conclusão de ensino superior, reconhecido pelos sistemas de ensino federal, estadual ou do Distrito Federal.”(NR)

Da redação com informações da ACS do Deputado Alberto Fraga


Por Poliglota...



45 comentários:

  1. O que isso muda no nosso salário e na falta do plano de saúde??...

    ResponderExcluir
  2. Respostas
    1. Nobre colega,

      Nada mais do que justo que nos manifestemos, consciente e harmonicamente. Talvez não esteja acompanhando atentamente o imbróglio sobre as promoções. Inclusive hoje mesmo debati com o deputado sobre isso. Essa decisão foi a nível de GOVERNO LOCAL e COMANDO, e o martelo está batido porque o SISTEMA é quem manda. Mas onde está nossa Casa Militar? Será que ela não pode ou não deve interceder pela instituição a qual compõe? Já fez esse questionamento a eles?

      Na esfera FEDERAL a limitação existe, como em todo lugar. Mas existem saídas para tudo, como deve saber. Se o próprio governador DECIDIU, então que busque-se as esferas jurídicas para a garantia de direitos adquiridos. Quer um exemplo?

      Os policiais mais novos que ainda não completaram 5 anos de interstício nada podem reclamar diante do previsto em Lei. No entanto, os ANTIGOS (e sabemos que existem muitos) que já completaram os requisitos para as promoções podem perfeitamente ingressar na justiça exigindo que esses direitos sejam cumpridos à risca. Porque não o fazem? Transferir responsabilidades é muito simples e cômodo para quem deseja somente conquistar, mas sem um pingo de suor. Já ouviu a frase” PAGAR O PREÇO”? Onde estão aqueles que querem pagar o preço?

      Não se preocupe com seus comentários. Continue a fazê-los conforme seu pensamento e eu saberei respeitá-los com toda certeza, desde que não falte com o mesmo respeito. Te garanto que estou fazendo o que está ao meu alcance e dentro das minhas limitações, porém, não o faço esperando colher frutos futuros, mas tão somente, assim como você, buscando o reconhecimento de mim, tenente da Polícia Militar, profissional de Segurança Pública! Apenas isso, pois atrás de mim vem uma família e é nela que eu preciso pensar.

      Grande abraço,

      Poliglota...

      Excluir
    2. Não dá pra "encaixar" um cargo técnico para que possamos exercer o magistério acumulando cargos públicos?

      Excluir
  3. sinceramente, de todas as instituições de nivel superior no Brasil, a PM é a única em que isso não vale nada, tanto faz ter curso superior ou não, quem pensa o contrario me digam, em que vale alguma coisa?, dizer que isso melhora o dialogo com o publico não vale

    ResponderExcluir
  4. Gostaria de fazer pergunta semelhante ao do primeiro colega, todavia, com viés elucidativo. Gostaria de saber de fato quais as implicações que a aprovação desse projeto trará para a nossa carreira? Teremos benefícios? O Sr. Tenente Poliglota, que com certeza é conhecedor da matéria, poderia enumerar algumas vantagens ou benefícios para conhecimento dos leitores de seu blog.

    Obrigado.

    ResponderExcluir
  5. Nível superior? Infelizmente estamos completamente na merda. ... me desculpe a expressão mais e isso aí. Sem promoções e sem ninguém pra falar por nós. Se até o senhor Tenente Poliglota já largou essa causa sem mesmo convocar a classe a uma reunião na praça! E...... tão decepcionado que não tenho nem palavras pra expressar a minha indignação. E tenha certeza de que não sou só eu que estou decepcionado.
    22 mil de 98 e ainda CB.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nobre colega,

      Não sabia que havia nomeado alguém para falar por mim! Larguei a causa? Deixei de convocar a classe?
      Desculpe-me, mas pelo que me recordo essa decisão não cabe a mim. Se eu hoje estivesse na ativa, com todos os requisitos para ser promovido e estivesse acontecendo o que estão fazendo atualmente, sem sombra de dúvidas que eu entraria imediatamente com ações jurídicas para buscar meus direitos.

      Mas vou propor aqui um desafio a quem está se sentindo prejudicado:

      Comprometo-me a levar ao conhecimento de um grande jurista castrense e de grande experiência nas defesas internas de policiais a defender GRATUITAMENTE o primeiro policial enquadrado nos direitos citados acima, ou seja, algum dos mais antigos que tanto estão reclamando mas que estão dentro de seu direito institucional.

      Só faço uma exigência: Que ele permita fazer a divulgação de sua identidade para exemplificar aos demais que tanto reclamam mas nada apresentam de que ELE sim é lutador por seus direitos institucionais e constitucionais.

      Quem topa?

      Poliglota...

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    3. Infelizmente, ten poliglota não me enquadrado nos requisitos necessários para buscar no poder judiciário uma reversão, acho que o jurista que cita em seu texto é o doutor Ataualp a, mas é só uma hipótese que seja ele. Queimei minha língua e sou homem suficiente para admitir isso!!! Onde estão os 2 sgt? Que deveriam se manifestar!!!! Sem mais delongas! !!! Esperava essa atitude do senhor e o meu voto e de todos meus familiares será seu !!!! Isso se o senhor for candidato para os próximos pleitos. Obrigado.

      Excluir
    4. Amigo, tem pessoas que vem aqui e que sabemos muito bem valorizar. Você é e foi um exemplo.
      Como eu disse antes, dentro daquilo que eu puder fazer na minha humilde esfera de competência, ali estarei com a tropa, mesmo sob críticas.

      Grande abraço e bem vindo de volta,

      Poliglota...

      Excluir
  6. Os dois anônimos de 18:40 e 18:46, demonstram completa ignorância sobre o reconhecimento de nível superior para a classe policial militar do DF, e por tamanha demonstração de burrice deveriam silenciar-se.

    Estes dois colegas são daqueles que só sabem reclamar, não reconhecem o trabalho de quem luta pela categoria, e, com certeza devem ser daqueles policiais ruins de serviço. Causa até mal estar ficar perto de sujeitos como esses.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. É mesmo? kkkkkkkkkkkkkkkkkk

      Mais um oficial que só fez academia de marcha e continencia e querendo ser chamado de Vossa Excelencia!!!!!

      Excluir
    3. CFSD1995 - REFORMADO4 de agosto de 2015 09:39

      Anônimo3 de agosto de 2015 22:09,

      Você acha que sou oficial por que acredita que só oficial pode e quer o que é melhor, ou é por que não viu minha identificação acima "CFSD1995"? Esqueci de acrescentar que sou reformado.
      Estou incapacitado de exercer atividade policial, mas voltei a estudar e em 2013 fui aprovado no vestibular da UnB para cursar contabilidade, um sonho antigo que eu tinha. E o melhor, estou junto com minha filha, que foi aprovada para Engenharia de Redes de Comunicação.
      Lá conheci outros colegas praças, o que me prova que você é um tremendo equivocado.

      Ou será que a gente que é praça ou foi praça, não sabe se posicionar e entender que um dos primeiros passos para valorização de uma carreira em uma sociedade voltada para o conhecimento, é e sempre será o reconhecimento de tal carreira como de alta complexidade e nível superior?
      Pois bem, ingressei na PMDF em 1995 e fiz parte da melhor turma de soldados que até então ingressou na PMDF. Era do 3º pelotão da 1ª companhia, pelotão comandando pelo SGT Emivaldo.

      Hoje, não sou mais soldado, porque muito provavelmente, ao invés de me comportar como você, isto é, ficar atirando pedras e amaldiçoando a carreira e falando mal de tudo e de todos, fui estudar.

      Gente fracassada como você tem um problema sério:
      - Torce para que os outros vivam no mesmo patamar de seu insucesso, para que sinta bem.

      Pelo visto, você sequer leu o artigo que estampa essa matéria. Se tivesse lido o artigo e procurasse e pesquisasse para conhecer o processo que envolve o reconhecimento das carreiras policiais como de nível superior, veria que:

      1) A PF passou a exigir nível superior para ingresso no quadro de agente e escrivão em 1996, mas só foi reconhecido o nível superior na forma da lei 18 anos depois, agora em 2014;
      2) A PCDF passou a exigir nível superior para ingresso no quadro de agente e escrivão por volta de 1997, mas igualmente o nível superior só foi reconhecido na forma da lei 18 anos depois, agora em 2015. E, no caso da PCDF, isso ainda não foi votado em plenário, mas conseguiram o principal, que é a aprovação na CCJ.

      Ora, nós conseguimos a exigência de nível superior para ingresso apenas agora em 2009. Por isso, não me iludo acreditando que será fácil para nós o reconhecimento da carreira como de nível superior na forma da lei.

      Colega, sugiro que repense seu posicionamento frente à profissão, pois, dessa forma, sempre será um péssimo profissional em qualquer carreira que abraçar.

      Excluir
    4. CFSD1995 - REFORMADO4 de agosto de 2015 19:31

      Anônimo3 de agosto de 2015 22:09,

      Você é mesmo um atabalhoado! Na minha identificação está escrito CFSD1995 e não CFO1995, entendeu? Ou será que preciso desenhar?

      Além do mais, os policiais do DF que quiseram ser chamados de Vossa Excelência por força de lei foram os delegados da PCDF em 2008 e não oficiais da PMDF. Informe-se antes de sair falando do que não sabe.

      Excluir
  7. Parabéns pela iniciativa, Tenente Poliglota, juntamente com o Deputado Fraga! Mantenha-nos informados sobre o andamento do PL.

    ResponderExcluir
  8. De fato caso aprovado e sancionado pela Presidência será um grande passo em busca da verdadeira valorização.

    ST EUSVAN

    ResponderExcluir
  9. Olá Caro amigo Poliglota, sou o cabo que ligou para o senhor esses dias e falei a respeito de uma reunião com o nobre Dep Fraga sobre as promoções de agosto, o senhor esteve lá ele comentou algo com o senhor? ou o Senhor provocou ele sobre o assunto? Forte Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é nobre colega,

      Fui lá sim mas acho que você esqueceu de nosso combinado. Solicitou-me que confirmasse com ele o recebimento de um grupo de policiais para tratar desse tema. No entanto aguardei-os até 11:30 horas e ninguém compareceu. Aí fica difícil se não há interesse em arregaçar as mangas né verdade?rsrsrs
      Mas estou sempre à disposição dentro daquilo que me for possível.

      Abraços,

      Excluir
    2. Caro Poliglota, não havia como reunir companheiros tão rápido assim, desculpa mas houve falha de comunicação, pois, achei que era para entrar em contato com o senhor no decorrer da semana..não houve falta de interesse mas sim como disse falha de comunicação...Forte abraço

      Excluir
    3. Sem problemas meu nobre amigo... a luta não para nunca. Não deu agora, haverá outras oportunidades.

      Abraços,

      Poliglota...

      Excluir
  10. Parabéns ao Dep. Fraga e ao Poliglota.

    ResponderExcluir
  11. Tem gente mente fraca mesmo, uma dos lenga-lenga do pessoal primo rico pra justificar a discrepância salarial era justamente o nível de qualificação deles com relação a PM, inclusive o pessoal da Educação, Saúde, DETRAN, entre tantos outros órgãos, forças armadas e etc. Pessoal nem toda vitória é imediata. Muito bom Poliglota, Valeu Deputado Fraga.

    ResponderExcluir
  12. Mais uma lei 06 por meia dúzia!!!!

    De que adianta se a praça não tem carreira? Milhares de patentes militares pra fuder e engessar a praça em uma carreira estática.

    Temos que pensar na desmilitarização! Enxugar essas patentes e colocar no máximo 06.

    Fim do intersticio e das vagas! promoção por tempo e entrada única! Concursointerno para as ultimas patentes!!!!

    O resto e conversa pra boi dormir!!! O Laerte Bessa fez muito mais do que o Fraga e o Patricio juntos! Quem trabalhou no presídio sabe disso!!! Esse fraga só pensa em status e militarismo!!!!

    Temos que parar de sermos trouxas e fazer uma operação tartaruga! Os oficiais QOPM já estão no céu não tem mais como eles ganharem NADA!!!! Chegou a vez das praças!!!

    ResponderExcluir
  13. poliglota, em relação ao fundo constitucional(que hoje e'usado ao vento) e a promoçao(que é um direito do policial e o comando e o estado nos priva desta assencao)! não seria uma questão jurídica !!! ja que o fundo foi criado com um foco, e hoje é usado indevidamente, o estado e o comando nao proporcionam a devida promoção, no mínimo incoerente e injusto..!!!

    ResponderExcluir
  14. O Fraga tinha feito um plano de carreira imoral e diabolico pras praças e ainda tem defensores dele aqui?!!!!

    PQP!!!! PM tem que pastar mesmo!!!!!

    Operação tartaruga e desmilitarização na cabeça!!!!!

    ResponderExcluir
  15. Infelizmente nesse caso da não redução de intersticio não prospera ação penal haja vista a palavra poderá se na lei estivesse deverá aí sim teria que reduzir, infelizmente deixou brecha para praticar essa maldade, desde 2009 vem sendo reduzido e agora de uma ora pra outra resolve protelar.Quanto ao reconhecimento de nível superior não deixa de ser um reconhecimento e valorização da carreira mas em relação a melhoria na remuneração não vai contribuir e nem prejudicar. O governo hoje está muito restritivo quando fala em melhorar e pagar melhor os policiais.

    ResponderExcluir
  16. do que adianta curso superior e salario de primário,basta ver a diferença salarial dos outros órgãos de segurança publica...Fraga como sempre fazendo lei inútil, reconhecimento salarial que é bom ....000000000000

    ResponderExcluir
  17. POLIGLOTA ESTOU IMPRESSIONADO COMO TEM DEPUTADOS AQUI.CADA UM COM UMA IDEIA MIRABOLANTE,MAS SOLUÇÃO NENHUMA.O OUTRO VIR APOIAR UM DELEGADO DE POLICIA?PQP AÍ É PEDIR PRA SAIR MESMO E QUEM SAIR POR ULTIMO QUE APAGUE A LUZ.

    ResponderExcluir
  18. Cabo 23000! Reconhecimento de Nível Superior, significa valorização ao policial e melhoria salarial sim, pois o reconhecimento gera mudança para o status ( Carreira de Nível Superior). Por isso a PCDF e a PF tanto brigaram para reconhecerem o nível superior em suas polícias, que antes da PMDF já realizavam concursos com exigência de nível superior a vários anos. Agora, vale lembrar que após o reconhecimento vem outra etapa que é a questão salarial, mas não é do dia para a noite, infelizmente! Mas, o primeiro passo é esse reconhecimento de Nível Superior. Parabéns por esse PL e que seja aprovado logo!

    ResponderExcluir
  19. SEM DÚVIDAS, DIFERENTE DO QUE PENSAM ALGUNS IGNORANTES AQUI, ESSE É SIM O GRANDE PASSO, E POUCO ME IMPORTA QUEM É O PAI DA CRIANÇA.

    ResponderExcluir
  20. EXCELENTE PROJETO, PARABÉNS AO FRAGA PELA INICIATIVA, ESTE PROJETO TERÁ REPERCUSSÃO FUTURA. ISSO SIGNIFICA QUE NO FUTURO, TEREMOS OS NOSSOS SALÁRIOS EQUIPARADOS AS DEMAIS CATEGORIAS DE NÍVEL SUPERIOR.

    ResponderExcluir
  21. Parabéns poliglota, esse é o primeiro passo para que possamos conseguir uma carreira e um salário melhores no futuro. Como um colega falou acima, os primos ricos usavam a desculpa de serem cargo de nível superior para que conseguissem ganhar melhor do que os pmdf.

    ResponderExcluir
  22. Concordo com o nobre Colega acima do que adianta curso superior se o salário é de 4ª serie primário!!!!!!!

    ResponderExcluir
  23. Engole o choro puliça!, temos que reconhecer que o Fraga é nosso representante político juntamente com o Poliglota.

    ASS: Cabo vei sem previsão de promoção !!!

    ResponderExcluir
  24. CFSD1995 - REFORMADO4 de agosto de 2015 19:45

    Aos apressados e críticos sem conhecimento, não custa lembrar que a PF e PCDF, depois da exigência de nível superior para agente e escrivão em 1996 e 1997 respectivamente, lutaram 18 anos no Congresso Nacional para conseguirem o reconhecimento de nível superior na forma da lei.

    É que os desinformados ou desinteressados em ler sequer conseguem entender a diferença entre exigência de DIPLOMA de nível superior e CARREIRA de nível superior.

    Em outros órgãos nós podemos ver esse paradoxo.

    Na Receita Federal, por exemplo, existe essa discrepância entre os cargos de Analista Tributário e Auditor Fiscal.
    Ambos os cargos tem exigência de escolaridade de nível superior, e, embora ambos exerçam praticamente a mesma atividade, a diferença salarial entre os dois é quase a metade. Enquanto o Analista recebe R$ 8.768,88 o Auditor recebe R$ 15.338,44 de salário inicial. Isso porque apenas a carreira de Auditor é reconhecida como de complexidade de nível superior.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lembrando que no PLANO DE CARREIRA deverão ser discutidos as ATRIBUIÇÕES DE NÍVEL SUPERIOR. Não é simplesmente dizer que a CARREIRA É DE NÍVEL SUPERIOR e continuar com atribuições de NÍVEL PRIMÁRIO como motorista, vigia, etc. Uma CARREIRA descente e de NÍVEL SUPERIOR não realiza atribuições de nível superior. Se o puliça achar que vai ser chamado de CARREIRA DE NÍVEL SUPERIOR fazendo o be-a-bá, esquece. E é isso que a PF e a PC estão fazendo neste momento, definindo e redefinindo suas atribuições na área de investigação, inteligência, perícias, etc.

      Excluir
    2. Ou seja, isso só irá de fato mudar quando não só o antigo como geral não se sujeitar a serviços típicos de conscritos nas forças armadas.. tais como, realizar faxinoes, capinagens, motora/baba zovao de oficial, vigia de entrada de unidade administrativa e/ou operacional... e muitas outras aberrações que infelizmente ainda existe!! Quer um exemplo? Basta ir qualquer dia próximo a CABE, CMED é segue rela... que vão ver inúmeras coisas que sinceramente, não desmerecendo, são tudo típicas de nível pré fundamental. "Poliça se valorize, pois se continuar agindo como nas décadas de 80.. isso aqui tende só a piorar mês pós mês".
      Resumindo, por conta disso que vários estão questionando a real importância dessa confirmação. Mais a resposta está ai !! Pois não adianta ter novos requisitos, novas qualificações se o próprio puliça se sujeita a tais serviços..
      #PensemNisso

      Excluir
    3. Só tem uma chance de tudo isso acabar......Acabando com o câncer do militarismo.De resto,falar em não fazer algumas dessas tarefas,como tirar guarda,motora.......é discurso enganador.Mas é fato que há outras situações que beira ao absurdo, o PM fazer.

      Excluir
    4. CFSD1995 - REFORMADO8 de agosto de 2015 12:31

      Anônimo5 de agosto de 2015 12:56,

      Bem lembrado tudo o que você disse. De fato a nossa luta tem que ser resolvida primeiramente aqui dentro, senão os que são contra esse nosso desiderato vão lançar em rosto esses absurdos que conhecemos de perto, e isso simplesmente torna impossível tal reconhecimento.

      De fato é uma vergonha, um vexame o que assistimos por aí. E, o pior é que tem uns "subalternos completos"(de índole, caráter) que gostam desse tipo de função que nada tem a ver com a atividade policial.

      Além de tudo o que você disse, me lembrei do último edital, onde havia vagas para corneteiro e banda de música. Há muitos absurdos aqui.
      Primeiro, temos que criar um QUADRO AUXILIAR/ADMINISTRATIVO para as funções atípicas e que nada tem a ver com a função policial, como ocorre na PF e PCDF. Caso contrário, podemos esquecer esse reconhecimento.

      De fato não será tão simples. Qualquer caminho será difícil, inclusive a desmilitarização. Mas ainda acho mais fácil a opção do QUADRO AUXILIAR ou CARREIRA DE APOIO ÀS ATIVIDADES POLICIAIS, como ocorre nas coirmãs.
      Isso, inclusive, deixaria mais barato para o Estado, pois o que vemos são policiais em funções que sequer se enquadram na atividade-meio, em função de NÍVEL PRIMÁRIO mas recebendo mais de R$ 5.000,00, R$ 6.000,00 etc, o que é um completo absurdo administrativo financeiro.

      Excluir
  25. CFSD1995 - REFORMADO6 de agosto de 2015 08:26

    Anônimo5 de agosto de 2015 12:56,

    Bem lembrado tudo que você. De fato a nossa luta tem que ser resolvida primeiramente aqui dentro, senão os que são contra vão lançar em rosto esses absurdos que conhecemos de perto.

    Além de tudo o que você disse, me lembrei do último edital, onde havia vagas para corneteiro e banda de música.

    De fato não será tão simples. Desmilitarização.


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pra mim esses convocados foram um dos maiores absurdos que aqui vi.. pois estamos na merda por falta de quadro de saúde, e incluso no de praças praticamente pra esse quadro há vagas até 1sgt e o iluminado conhecido por capa de chuva inventa essa asneira. Ou seja, ora ele o que importa e tratarmos nossos problemas ,seja ele qual for, com música.
      #FicaADica

      Excluir

1 – Para comentar no Blog do Poliglota você poderá informar, além do seu nome completo, um apelido que poderá usar para escrever comentários.

2 – Serão eliminados do Blog tenpoliglota2012 os comentários que:
A - Configurem qualquer tipo de crime de acordo com as leis do país;
B - Contenham insultos, agressões, ofensas e baixarias;
C - Reúnam informações (e-mail, endereço, telefone e outras) de natureza nitidamente pessoais do próprio ou de terceiros;
D - Contenham qualquer tipo de material publicitário ou de merchandising, pessoal ou em benefício de terceiros.
E – Configurem qualquer tipo de cyberbulling.

3 – A publicação de comentários será permanentemente bloqueada aos usuários que:
A - Insistirem no envio de comentários com insultos, agressões, ofensas e baixarias;

Avisos:

1 – No Blog tenpoliglota2012, respeitadas as regras, é livre o debate dos assuntos aqui postados. Pede-se, apenas, que o espaço dos comentários não sirva para bate-papo sobre assuntos de caráter pessoal ou estranhos ao blog;

2 – Ao postarem suas mensagens, os comentaristas autorizam o titular do blog a reproduzi-los em qualquer outro meio de comunicação, dando os créditos devidos ao autor, com os devidos ajustes;

3 – A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica.

Os comentários estão liberados, no entanto àqueles que afetarem diretamente a honra e a imagem de quaisquer pessoa, física ou jurídica, àqueles que atentarem contra o decoro da classe, a honra e o pundonor militar serão MODERADOS.
tenpoliglota2012@gmail.com