segunda-feira, 18 de maio de 2015

O que está havendo com a Polícia Militar?


Algo de muito estranho anda ocorrendo com a Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF): a corporação está sem planos de Saúde; os policias são submetidos a punições absurdas; tem sindicância por causa de um simples mascar de chiclete ou por não usar o boné; além de major sendo exonerado por ser eficiente. Ou seja, uma coisa mais esdrúxula que a outra. Difícil de acreditar. 

Tudo isso vai desmotivando toda a tropa e deve ser por isso que muitos policiais militares estão desistindo da PM e fazendo concurso para outras áreas. Enquanto isso, o efetivo da polícia só diminui e nem estou citando os quase mil policiais que foram para A RESERVA remunerada.

Entretanto, o fim da picada foi uma circular que o blog teve acesso. O termo é assinado pelo Coronel Jahir Lobo Rodrigues, Secretário Geral da PMDF. No documento só entra pela frente se for coronel ou autoridade, o policial militar "comum", se quiser, que entre pela porta dos fundos. Isso mesmo, os PMs de patente inferior só podem entrar se for pelas portas dos fundos!

Nem sei se essa circular é ilegal, mas é no mínimo imoral e discriminatória. Qual o problema do Policial Militar, que trabalha na sede comando, entrar pela frente? O piso é de ouro? Só oficial que é gente? Que polícia é essa? 

Infelizmente, a PMDF não vive uma fase boa e a guerra de egos sabota a instituição. Parece que cada um quer mandar mais que o outro, uma verdadeira guerra de boicotes internos.

A moral da história é que, enquanto essas picuinhas tomam conta da PM, a bandidagem deita e rola. Oficiais, acordem! O crime toma conta da nossa cidade. Os criminosos sim, são os nossos inimigos. Recado dado. 

Por Odir Ribeiro - Blog Radio Corredor

Fonte: Redação

Observação:

Uma ressalva na matéria editada pelo conceituado jornalista Odir Ribeiro, do blog RÁDIO CORREDOR: Na Polícia Militar seus pilares são a HIERARQUIA e a DISCIPLINA e jamais um subordinado tomaria qualquer iniciativa que não fosse de ordem superior, e no caso específico, do Comandante Geral, sob pena de sanções disciplinares.

Na pior das hipóteses, e no impedimento, a ordem poderia partir do Subcomandante Geral em exercício. 
Portanto, apesar de assinada pelo coronel Jahir Lobo Rodrigues, a ordem veio de cima.

35 comentários:

  1. Prezado Senhor Odir Ribeiro, boa noite!
    O senhor não me conhece, visto que postou meu nome errado em sua matéria intitulada “O que está havendo com a Polícia Militar? ”
    Meu nome correto é Jahir Lobo Rodrigues e sou coronel da PMDF, atualmente Secretário Geral da PMDF, pessoa que assinou a Circular expedida hoje que visa tão somente disciplinar o acesso ao Quartel do Comando Geral da PMDF, órgão público que, por suas características, deve ter o acesso de pessoas, integrantes ou não, de forma controlada. Afinal, estamos falando da sede do Comando de um Órgão Policial.
    Assim o fiz porque é de minha responsabilidade por força de Decreto, como dirigente da Secretaria Geral da Corporação zelar, dentre outras coisas, pela segurança tanto do Palácio Tiradentes, quanto de seu anexo.
    Para tanto, lutamos com certa dificuldade uma vez que os prédios são antigos, e nossos orçamentos e/ou projetos de melhoria não caminham com a velocidade que desejaríamos.
    Contudo, estamos, aos poucos aprimorando ou buscando melhorar as condições dos mesmos (prédios).
    Voltando a questão do acesso, repito que a medida adotada, dentro de minha esfera de competência, visa disciplinar e controlar o acesso ao prédio da PMDF, à exemplo do que ocorre em qualquer repartição pública do Brasil.
    Em todo os lugares existem o mínimo de regras de circulação e acesso que são impostas de acordo com as particularidades de cada segmento ou órgão.
    No Tribunal de Justiça por exemplo, as entradas dos Magistrados (Desembargadores e/ou Juízes) são feitas por passagens privativas daquelas autoridades ou ainda na Secretaria de Segurança Pública do DF (assim como noutros Estados) a entrada do Secretário (autoridade) se dá igualmente por entrada privativa apartada da entrada do público em geral.
    Da mesma forma, via de regra, todos os acessos principais dos prédios públicos tem acesso limitado ou as autoridades ou, em ocasiões especiais o que, a determinado público destinado.
    Voltando ao caso do Palácio Tiradentes (Quartel do Comando Geral – QCG), diga-se de passagem, a grande maioria dos integrantes da Corporação já utilizam diariamente aquela que Vossa Senhoria chamou de “porta dos Fundos”; até porque, como o anexo do QCG se situa nos fundos do mesmo, os policiais usam-na como forma de encurtar o caminho entre um e outro prédio.
    Outro motivo para a “porta dos fundos” ser bastante usada é o fato de que o Protocolo Geral da Corporação se situar junto a esta entrada e não a da frente, portanto, seria um caminhar desnecessário aos Policiais Militares e outros servidores civis, nossos e de outros órgãos, darem a volta em todo prédio para ter acesso ao mesmo.
    Na esperança de ter esclarecido suas dúvidas, me coloco a sua inteira disposição para quaisquer outros esclarecimentos.
    Atenciosamente.
    Cel Jahir Lobo Rodrigues
    Secretário Geral PMDF

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sr Coronel Jahir Lobo, com todo respeito, gostaria de enfatizar que a mencionada Circular veio em uma péssima hora. E sabe por que? Porque temos demandas mais importantes, não concorda? Como adquirir confiança nos superiores, se há obstáculos para a comunicação? Tal medida corrobora para o afastamento e/ou isolamento não só do público interno da Corporação, mas também da própria sociedade, uma vez que restringe a entrada e o contato do público em geral com as autoridades policiais. A sociedade é nossa amiga ou inimiga? Como fazer valer o conceito de Polícia Cidadã se há limitações para se estabelecer a comunicação? O Senhor citou o caso do TJDFT, mas se esqueceu de que a estrutura predial de certos Fóruns é outra. Nos Fóruns, eu jamais tive problemas para falar com um magistrado diretamente, encarar o mesmo elevador, trafegar nas mesmas dependências. Muitos jurisdicionados solicitam falar com a autoridade judiciária e são atendidos, respeitados os procedimentos de identificação e controle do público. O SERVIDOR PÚBLICO deve atender o PÚBLICO. Nós somos SERVIDORES DIFERENCIADOS. Deveríamos abandonar essa coisa de copiar os protocolos de outros órgãos e nos aproximarmos de FATO da comunidade para podermos melhorar a imagem da nossa Empresa, resgatando a credibilidade de outros saudosos tempos.

      Um simples praça desanimado.

      Excluir
    2. Como já foi dito e não custa nada enfatizar ou porque não reforçar novamente a frase: "O INIMIGO É OUTRO". Portanto, vamos parar de pecuinhas e de fato sermos mais "eficiente". Pois dessa forma o que está realmente ficando evidente e diversos obstáculos não só do cidadão para com a instituição, como principalmente dos integrantes dessa instituição! Ou seja, o que precisamos e de ações que venham a somar e não dividir ainda mais uma estrutura que não é de hoje que encontra-se rachada e porque não dizer, desmoronando. Resumindo, precisamos de "LIDERES" e não de chefes que visam apenas determinados grupos ou ações. Basta olhar a sua volta, cada vez mais quando se pensa no individualismo, mais colegas perdemos.. visto que a coletividade nunca é lembrada!
      CFP,apenas-1

      Excluir
    3. Caro senhor Coronel JAHIR LOBO RODRIGUES. Da mesma forma que o Quartel do Comando Geral é um órgão policial, a Direção Geral da Polícia Civil que fica localizada no Parque da Cidade também é um órgão policial. E lá coronel também existe uma entrada principal. E lá coronel ninguém é barrado por entrar pela porta principal. Basta simplesmente se identificar e informar o local que deseja ir, viu coronel?

      Excluir
    4. Toda e qualquer delegacia também é um órgão policial e ninguém é barrado por entrar pela porta principal. INACREDITÁVEL! E estamos em plena Capital Federal.

      Excluir
    5. Em 2008 estava fazendo o antigo CAS e fizemos uma viagem de estudos para Natal-RN, onde fomos muito bem recebidos pelo senhor TC LUCIANO então Chefe da PM 3. Uma das visitas que fizemos foi ao Quartel do Comando Geral do RN e sabe por onde adentramos para visitar o local? Pela porta da frente. Espero que os nobres colegas de lá, se vierem aqui em Brasília não visitem o nosso QCG pois terão que entrar pela PORTA DOS FUNDOS. QUE VERGONHA.
      ST 1996

      Excluir
    6. CFSD1995 - REFORMADO19 de maio de 2015 20:48

      Coronel,

      Essa circular é um desastre completo!

      Não vou nem mencionar que oficiais subalternos ou que não fazem parte do alto escalão, não são bem vindos na portaria principal, praças então...

      Mas, o pior de tudo é colocar civis acima dos próprios integrantes da corporação. Isto é, somos da PMDF, mas, civis merecem mais respeito e apreço por parte do Comando da PMDF. É isso que está no texto.


      Excluir
  2. engraçado que o coronel citou alguns órgaos como exemplo, mas esqueceu de informar que a única instituição policial no DF e quem sabe no país a inventar isso foi a PMDF. Veja se instituições respeitadas como a PCDF, PF, PRF, todas com sede no DF discriminam seus Delegados e agentes tratando-os dessa forma.

    Lembre-se que o senhor é um PM. Para a sociedade que paga seu salário, não importa se é coronel ou não. Se coloca-lo num PO em qualquer cidade do DF com um soldado, ninguém se importará com sua patente, e sim, com a segurança do local.

    o senhor citou exemplos de magistrados, se comparando como se autoridade fosse! Menos, menos!

    Seja mais humilde! Desça do pedestal.

    As autoridades que citou, todas possuem secretarias e motoristas. Como o senhor quer ser autoridade e entrar pela porta da frente num tapete vermelho se dirige o próprio veículo, atende o telefone e ainda faz o cafezinho? Rssss

    Coronéis como o sr foram proibidos pelo comando geral de possuir secretarias e motoristas, lembra?

    Menos coronel menos.

    ResponderExcluir
  3. E FACIL RESPONDER O QUE ESTA ACONTECENDO COM A PMDF,, ROLLEMBERG QUANDO FOI CANDIDATO A GOVERNADOR HA UNS 12 ANOS ATRAS CHAMOU PRA SER SEU VICE O MILITAR DISCIPLINADOR CORONEL JUAN , NA EPOCA QUANDO QUESTIONADO POR 95 POR CENTO DA TROPA DISSE QUE NAO SABIA QUE O SEU VICE ERA TAO CRUEL,,,, AGORA ELEITO CHAMOU PARA SER COMANDANTE GERAL O CORONEL QUE COMBATEU A TARTARUGA , POIS NO ANO PASSADO ROLLEMBERG CRITICAVA AGNELO POR NAO ARROCHAR A TROPA PARA ACABAR COM A TARTARUGA , ENTAO A INTENÇAO DESTE GOVERNO E CHIBATA O LOMBO DOS PRAÇAS,, SE O PM ADOECER AO TERMINO DA DM TEM QUE TRABALHAR NO PO PRA PAGAR SEUS DIAS QUE ESTAVA DOENTE,, SERVIÇO EXTRA DIARIAMENTE NO LOMBO DOS PRAÇAS ,, FRIO CHEGANDO E HOSPITAIS SEM CONVENIO , E O PRAÇA NA RUA NAS MADRUGADAS PEGANDO PNEUMONIA E FICANDO 10 HORAS NA FILA DE HOSPITAS PUBLICOS PRA SER ATENDIDO E QUANDO VOLTAR A TRABALHAR VAI TER QUE PUXAR P.O ,, PRAÇAS RESPONDENDO DIARIAMENTE PORQUE SUA VIATURA SAIU 500 METROS DE SUA AREA E FOI PEGA PELO GEOCONTROL , ESTE INVESTIMENTO CARISSIMO DO GEOCONTROL E A GALINHA DE OVOS DE OURO DELES PRA FICAR PERSEGUINDO OS PRAÇAS , AGORA OS RADIOS NAO FUNCIONAM,, AS VIATURAS SEM MANUTENÇOES,, COLETES BALISTICOS VENCENDO,, HOSPITAL NAO FUNCIONA ,

    ResponderExcluir
  4. DESCULPA CORONEL COM TODOS O RESPEITO SO UMA PALAVRA INACREDITÁVEL,

    ResponderExcluir
  5. ENQUANTO ISSO 3 COLÉGIOS FECHADOS NA CEILANDIA, POR TRAFICANTES

    ResponderExcluir
  6. O proprio Cel entrou em contradição nas explicações pois informa que já os policiais já fazem o acesso pela entrada dos fundos então por que a portaria, agora de em 206 anos de existencia da PMDF nunca existiu, só agora depois de quase 50 anos um oficial descobriu que era necessária.Acho inoportuna essa portaria tem coisas mais importante no momento para se preocupar como exemplo restabelecimento dos convenios, plano de carreira e trabalho 0800. Essas altas autoridades não podem cruzar com os inferiores nessa entrada principal pois podem se constranger passando por pessoas de graduações cargos ou postos mais baixo deve ser isso.

    ResponderExcluir
  7. Vamos citar os principais problemas no momento para todos oficiais e praça não percam o foco e desviem as atenções:
    1- Plano de carreira, fazer vários ajustes para corrigir injustiças como equivalencia de cursos, muita gente perdendo dinheiro(obs.)os Bombeiros recebem, a comissão da PM que elaboram a lei esqueceram de colocar a equivalencia;
    2- Restabelecer os convenios enquanto contratam servidores para Centro Médico:
    3 Codigo de etica, eliminando a prisão
    4.reposição salarial,a inflação aumentou e está corrroendo o salário
    tem varios problemas mas acho esses mais urgentes
    3-

    ResponderExcluir
  8. Qual coronel que conbateu a tartaruga msm?
    Se combateu ele deveria estar preso porq isso é crime contra animal .
    Na minha opiniao a Tartaruga nao foi comvatida ela esta é muito viva, emquanto eles ficam se preocupando com quem vai entra na porta da frente ou dos fundos, A tartaruga ta c preparando para ao em ves de entrar pela porta da frente ou por traz ela vai derrubar e o predio inteiro...

    ResponderExcluir
  9. OLHA SÓ. TODOS SABEM O QUE FAZER, OU MELHOR O QUE NÃO FAZER PRA CHAMAR A ATENÇÃO DO GOVERNO PARA A SITUAÇÃO DA TROPA. NÃO PRECISA DE NENHUM POLICIAL MÁRTIR SER JOGADO NA FOGUEIRA, COMO ACONTECEU COM O POLIGLOTA; O PATO; O JABÁ; O HALK ENTRE OUTROS COLEGAS. SABEMOS COMO TRABALHAR NA LEGALIDADE, ENTÃO, VAMOS EM FRENTE. TARTARUGA NÃO EXISTE, MAS LEGALIDADE SIM.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Falou tudo colega. É isso aí.

      Excluir
  10. COMENTÁRIO POSTADO NA MATÉRIA SOBRE O CHOAEM:

    Bom dia a todos. Quando a Lei 12086 entrou em vigor e foi publicado o Decreto dando acesso ao CHOAEM apenas pela antiguidade, de início não concordei, pois via no concurso interno uma chance de ascender ao oficialato de forma mais justa. Mas ao longo dos cinco anos seguintes percebi que estava errado, pois o meu pensamento naquela época era apenas de cunho pessoal, pois caso houvesse o concurso e viesse a passar o benefício seria exclusivamente meu e não coletivo. Digo isso, pois uma vez tendo acontecido o CHOAEM ao longo desses anos em que a lei ficou sobrestada abriu um leque de promoções para baixo, o que não aconteceria se tivesse acontecido o concurso, pois não se teria a garantia que os ST's haveriam passado e abrindo com isso vagas como efeito cascata para baixo. Então, com essa constatação cheguei a conclusão que o mais correto é o que já acontece com os oficiais, que só fazem um único concurso e chegam no topo da carreira. Lendo as várias opiniões noto que existem de Soldado a Sub Ten defendendo o concurso interno e de igual modo para o uso da antiguidade para o ingresso no QOPMA. Não há ainda um consenso sobre qual dos dois modelos seria o mais justo, apenas opiniões individuais de cada um olhando para o seu próprio benefício, conforme um dia também me posicionei. Sendo assim o melhor a se fazer é um estudo ou pesquisa demonstrando os dois lados da moeda, onde aquele que demonstrar ser o melhor para a coletividade que seja verdadeiramente aplicado. E dizer apenas que deve-se cumprir a lei de acordo com a opinião de alguns ainda é muito vazio, pois a lei pode ser interpretada de acordo com a conveniência de cada lado defendido. Para ilustrar isso vou citar a expressão que causou essa dupla interpretação: "processo seletivo". E para aqueles que não sabem seu significado eu cito "como sendo uma sequencia de ações no intuito de selecionar algo ou alguém para determinado objetivo". Ou seja, o concurso interno pode fazer parte de um processo seletivo, mas não é o processo em si, pois demanda outras etapas. Assim como a escolha pela antiguidade também pode ser reconhecida como uma fase de um processo seletivo. Portanto, não confunda processo seletivo como sendo exclusivamente a aplicação de um concurso e dizer que a escolha por outro critério estaria fora da legalidade.

    ST EUSVAN

    ResponderExcluir
  11. CONTINUAÇÃO...

    Diante dessa pequena explicação pode-se escolher um norte a ser seguido, seja para um lado ou par o outro sem ferir a lei. Mas para isso é preciso avaliar qual deles trará maior benefício para coletividade. Tenho lido algumas opiniões que a prova seria mais democrática, pois atingiria a todos. Nesse ponto hei de discordar, pois segundo os critérios elencados no Art. 32 apenas aqueles com no mínimo 18 anos e com o CAP ou equivalente poderia prestar o concurso. Ou seja, se abrisse o concurso hoje haveriam sargentos com 18 anos ou mais de serviço que não poderiam fazer a prova, mesmo com maior graduação, enquanto que outros poderiam. Sem contar que aquele que não concorrer poderá ficar estacionado na graduação por muito tempo, pois havendo a possibilidade de outros sargentos de menos graduação passarem, não abrirá vaga para ele. Desde que entrei na PMDF que ouço dizer que o concurso interno sempre foi uma grande injustiça dentro da instituição, pois só beneficiou aqueles poucos privilegiados que passaram, seja por mérito próprio ou por algum subterfúgio que não cabe a mim mencionar. E com o advento da 12086 essa dita injustiça foi amenizada em parte, onde todas as promoções se deram pelo critério da antiguidade, adquirida pela avaliação meritória quando no curso de formação de soldado. Mas deixou ainda uma parte dessa dita injustiça ao permitir a possibilidade de ascender ao QOPMA através do concurso interno. Digo isso, pois hoje temos também ST's que demonstraram sua meritocracia ao longo dos anos e que também não poderão ascender na carreira porque já ultrapassaram a idade limite de 51 anos. Vejo muitos dizerem que seria uma enorme injustiça se as demais graduações, que se encaixam nos pré requisitos estabelecidos pela lei, não concorrerem ao CHOAEM, sendo apenas os ST's pelo critério da antiguidade, mas de igual modo não os vejo defender a prova para os soldados e cabos ou reconhecer essa esdrúxula finalização da carreira de um Sub Ten. pode ter ultrapassado a idade limite. Portanto, meu amigos, se for apontar as injustiças que já aconteceram ou que ainda existem em nossa carreiras, poderia que escrever um livro. Então, conforme já citei acima, embora tenha ficado claro o meu posicionamento, que se faça uma melhor análise dos critérios que possam ser adotados para o acesso ao QOPMA e aquele que melhor beneficiar a coletividade que seja o adotado, até que se tenha uma reestruturação implantando de vez a promoção com independência de vagas. Reflitam e paz e bem a todos.

    ST EUSVAN

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na verdade não tem como discordar de suas colocações, porém, se lembra na época o decreto do Arruda era claro: "50% antiguidade e 50% caneta". No entanto, os colados do Patrício foram lá e deram um jeitinho de ser 100% antiguidade. Ou seja, você não percebeu que os maiores injustiçados com isso tudo foram aqueles que entraram no mínimo em 2000. Sendo esses na sua grande maioria hoje compostas pelos CB´s de hoje? Então, se analisar no histórico verá que esse pessoal foram os mais injustiçados por não terem tido a oportunidade de concorrer nem a prova de CB, sendo que garanto que as turmas anteriores assim tiveram e se não aproveitaram, não venha o caso. Portanto, essa afirmação de que só antiguidade resolve e um engano tremendo! Visto que as vagas não estão sendo abertas, e as turmas que hoje formam 80% dos CB estão indo pra casa dos 20 anos e ainda são CB´s. Detalhe, sem esperança alguma de sair até 3sgt. Sendo assim, voltando para o possado vemos que vários que puderam participar da caneta hoje são no mínimo 2sgt antigos. E estão com muito medo de tentar outra prova! Mais medo porque? Quem passa uma vez, pode passar outra! Agora impedir que os maiores prejudicados por anos a ficarem 100% congelados no tempo e sacanagem! Ou seja, vocês tiveram só 5 anos para correrem atrás de mudanças no referido art., e só agora querem dar novamente um jeitinho? Francamente viu! E ainda vim falar de coletividade. Olha pro meu lado também, estou com 15 anos e ainda CB, e praticamente certo sair 3sgt quando completar 25 anos (no mínimo). Portanto, ou vocês lutam por algo que de fato corrija a injustiça que vivo até hoje, ou falar que e individualismo e ser falso. Pois quem hoje está de 2sgt pra cima, podemos garantir que 80% fizeram a última prova de CB, sendo que em alguns casos, já temos SUBs. E minha turma?

      SPARTACUS

      Excluir
    2. Boa noite. SPARTACUS, dizer que sou a favor hoje do critério da antiguidade não é para mim, e mesmo para outros com o mesmo pensamento, um medo do famigerado concurso. Muito pelo contrário, pois hoje me faltando apenas 7 anos para ir para a reserva e com algumas centenas de ST a minha frente, com o concurso, caso eu viesse a passar, só adiantaria o meu lado. E nessa situação se encontram outros tantos ST's. Então, não se trata da busca do benefício individual quando opto pela antiguidade. E mais. Se não fossem os CHOAEM's que tiveram ao longo desses cinco anos pelo critério da antiguidade, talvez hoje eu não fosse ST e você CB. E é isso que muitos não estão compreendendo, pois enquanto não houver a promoção sem dependência de vagas a fila só irá andar, ou com pedidos de reservas ou com promoções no topo, simples assim. E pegando um gancho na sua fala quando diz que sairá 3 SGT com 25 anos, infelizmente, caso haja o concurso e a maioria dos ST'S não venham a passar, será essa mesma a realidade vivida por muitos. Portanto, o que deveria acontecer é o curso natural das coisas onde aqueles que estão a frente abram espaço para quem está atrás. Esse não é um pensamento mesquinho ou individualista. Ele é muito mais coletivo do que aqueles que dizem que um concurso com no máximo 100 vagas irá melhor a vida de todos os demais. Mas é isso aí. Você mostrou o seu ponto de vista e o parabenizo por isso. Que os demais também mostrem os seus para quem sabe chegarmos a um denominador comum. Passar bem a todos.

      ST EUSVAN

      OBS.: Não esqueçam que de acordo com a lei atual as promoções de CB a ST são pelo critério da antiguidade. E a um tempo não tão longínquo assim a progressão se dava em parte pelo concurso interno, onde causou certas injustiças segundo o entendimento daqueles que não se beneficiaram a época. Será que repetir o mesmo erro consertará os desacertos do passado?

      ST EUSVAN

      Excluir
  12. COM TANTAS MAZELAS NA POLÍCIA MILITAR DO DF E OS CARAS PREOCUPADOS COM QUEM PODE OU NÃO ACESSAR PORTARIA PRINCIPAL DE QCG. TENHO CERTEZA QUE NENHUM POLICIAL TENHA INTERESSE EM ENTRAR ALI, MAS RESTRINGIR A ALGUNS E PRETERIR OS PRÓPRIOS POLICIAIS MILITARES?? É NO MÍNIMO, RIDÍCULO. MAIS UMA PRA CAUSAR REVOLTA NA TROPA.

    ResponderExcluir
  13. Interessante a explanação e demonstra quanto o assunto é polêmico, o ST em tela afirma que no inicio do advento da lei 12086 concordava com o concurso e ao passar dos anos mudou de ideia agora é a favor da antiguidade. Aliás quase todos pensam assim quando são modernos querem concurso e quando è ST prefere antiguidade. Uma ocasião falei que era a favor metade caneta e metade antiguidade e fui criticado mas acho a forma mais justa.

    ResponderExcluir
  14. sinceramente, não vejo a minima necessidade de se colocar tal discussão em pauta, entrar pela frente, quanto por outra entrada vai mudar meu contracheque em que, se vai mudar o ego de alguem é problema dele,discussão besta...

    ResponderExcluir
  15. não faço questão nenhuma de ir nesse QG entrar pelos fundos

    ResponderExcluir
  16. Uai!!!!!!!!!!!!Sou!!!!!!!!! sinceramente eu não sabia que o acesso dos praças pela porta da frente do Palácio Tiradentes, trataria insegurança ao prédio, como o coronel mencionou, se os praças que trabalham no anexo não utilizam a porta do frente por ser mais distante, então o porquê de tal proibição? É essas e outras discriminações que pedir o mais rapidamente RR, que as autoridades façam bom uso. ST. RR.

    ResponderExcluir
  17. PALÁCIO? QUE PALÁCIO !! AQUILO É UM AMONTOADO DE MÁRMORE BRANCO DISTRIBUÍDOS EM UM QUADRADO DE EXTREMO MAU GOSTO, PALÁCIO PORRA NENHUMA, EM PALÁCIOS DE VERDADE GOVERNARIAM REIS E RAINHAS PREOCUPADOS EM MELHORAR A VIDA DE SEUS SÚDITOS, NÃO É ISSO QUE VEMOS ACONTECER DESDE O INÍCIO DO ANO, E A SAÚDE COMO VAI ?????

    ResponderExcluir
  18. SENHORES PRAÇAS VAMOS CAIR DENTRO DA LEGALIDADE MESMO, ESSE GOVERNO ESTA FAZENDO PIOR DO ANGULO, VAMOS NOS UNIR, NÃO POR ISSO AÍ, ESTAMOS NOS LIXANDO ENTRA EM UM ............. É DEMAIS

    ASS: LEGALIDADE TOTAL

    ResponderExcluir
  19. NÓS PRAÇAS SOMOS TRATADOS COMO LIXO PELO COMANDO GERAL.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. só não tem tamanho, mas safadeza e falsidade é o que não falta

      Excluir
  20. Vejam bem a preocupação de nossos administradores..restringindo a entrada da plebe. Qual motivo que leva um ser humano(?) a tomar tal atitude? Nem todos comentário postados aqui poderia explicar a mesquinhez desta ação.

    ResponderExcluir
  21. Alí para ser Palácio ainda falta muito! O rei, a rainha e o fim das gambiarras.

    ResponderExcluir
  22. E tem colega que aceita ainda tapinha nas costas, estou indignado.

    ResponderExcluir
  23. Vá para o exército ser militar,aqui é lugar de policia !!!

    ResponderExcluir
  24. Bom dia a todos! esse Secretário Geral,mostra quão ociosa é a sua função por não ter nada mais importante para fazer,ele fica procurando chifre na cabeça de cavalo,ou seja enchendo linguiça para passar o tempo e justificar a sua gratificação,que recebe para emitir e editar portarias como esta,já esta na hora de acabar com essa bagunça como desse BORIS, ISTO É UMA VERGONHA.

    ResponderExcluir
  25. templo dos DEUSES.
    NADA MAIS JUSTO.

    ResponderExcluir

1 – Para comentar no Blog do Poliglota você poderá informar, além do seu nome completo, um apelido que poderá usar para escrever comentários.

2 – Serão eliminados do Blog tenpoliglota2012 os comentários que:
A - Configurem qualquer tipo de crime de acordo com as leis do país;
B - Contenham insultos, agressões, ofensas e baixarias;
C - Reúnam informações (e-mail, endereço, telefone e outras) de natureza nitidamente pessoais do próprio ou de terceiros;
D - Contenham qualquer tipo de material publicitário ou de merchandising, pessoal ou em benefício de terceiros.
E – Configurem qualquer tipo de cyberbulling.

3 – A publicação de comentários será permanentemente bloqueada aos usuários que:
A - Insistirem no envio de comentários com insultos, agressões, ofensas e baixarias;

Avisos:

1 – No Blog tenpoliglota2012, respeitadas as regras, é livre o debate dos assuntos aqui postados. Pede-se, apenas, que o espaço dos comentários não sirva para bate-papo sobre assuntos de caráter pessoal ou estranhos ao blog;

2 – Ao postarem suas mensagens, os comentaristas autorizam o titular do blog a reproduzi-los em qualquer outro meio de comunicação, dando os créditos devidos ao autor, com os devidos ajustes;

3 – A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica.

Os comentários estão liberados, no entanto àqueles que afetarem diretamente a honra e a imagem de quaisquer pessoa, física ou jurídica, àqueles que atentarem contra o decoro da classe, a honra e o pundonor militar serão MODERADOS.
tenpoliglota2012@gmail.com