domingo, 12 de abril de 2015

SOBRE OS PRINTs DO GRUPO “ASOF Divulgação”, publicados exaustivamente nas redes WhatSaap nesse final de semana

Não farei juízo de valores sobre pessoas e fatos que não foram apurados ainda, até porque os textos escritos por si só dizem tudo. Não quero crer que pessoas que foram preparadas para exercerem funções de chefia e liderança e que estivessem na obrigação de serem o espelho de uma tropa tenham tido a capacidade de se envolverem nesse LIXO.

Porém alguns detalhes me chamaram a atenção nessas postagens:

1º) Observei que todos os prints estão, na sua maioria, xerocados e grifados com marca texto na cor amarela e nitidamente em folha A4 e foram fotografados;

2º) Envolve nomes de algumas pessoas que, segundo comentários observados em redes sociais e em conversas nos batalhões, são de relevante estima e consideração por parte da tropa, além de em seu meio terem alguns que já foram PRAÇAS;

3º) Alguém já se questionou se isso não é algo que já estava sendo investigado e vazou propositadamente para criar o clima de segregação interna (e é o que está acontecendo), ou quem sabe, uma forma de "acelerar" uma mudança interna nas cabeças que gestam a PMDF? Nada é impossível;

A verdade é que desde os episódios das manifestações dos anos anteriores, principalmente a de fevereiro de 2014, quando irresponsáveis tiveram a capacidade de ignorar a existência de cabos e soldados dentro de um Clube de Oficiais, que os gestores públicos que estiveram à frente da corporação se perderam e a liderança que pensavam ter sobre uma tropa altamente responsável e disciplinada parece ter se esvaído.

Portanto, na cabeça de alguns, porque não iniciar um processo reverso, a começar pela segregação, dando margem à aplicação dos maiores instrumentos que hora existem no meio militar que são o RDE e o CPM?

Os acontecimentos são GRAVÍSSIMOS e devem ser apurados em sua totalidade com transparência absoluta e os responsáveis punidos exemplarmente, não se permitindo, em hipótese alguma, dois pesos e duas medidas, E MUITO MENOS CORPORATIVISMO.

Cabe agora, e até mesmo por uma questão ética, ao comando da Polícia Militar se manifestar em defesa de sua tropa, que em sua maioria é constituída por PRAÇAS valorosos que dão sua vida em prol da sociedade e da instituição. Com a tecnologia em evidência, esse assunto com toda certeza já deve estar circulando em toda esfera da sociedade brasiliense e não deverá, NUNCA, ser essa a imagem que ela deverá ter de seus competentes profissionais PRAÇAS que com ela lidam todos os dias por 24 horas.

Hora de refletir e principalmente termos prudência. Chega de sermos massa de manobra.


Da redação, por Poliglota...

44 comentários:

  1. SÓ MESMO SENDO MUITO IDIOTA PRA ACREDITAR EM OFICIAL "AMIGUINHO DE PRAÇA". UMA VEZ, NO BATALHÃO DO NÚCLEO BANDEIRANTE, UM ASPIRANTE, O CARA NEM ERA OFICIAL AINDA. QUANDO ESTÁVAMOS EM FORMA ELE DISSE QUE NÓS, PRAÇAS, ÉRAMOS APENAS O MEIO PELO QUAL ELE SE UTILIZARIA PARA ALCANÇAR SEUS OBJETIVOS, E ASSIM É O QUE PENSA 99,9% DOS OFICIAIS, AFINAL, NÓS TRABALHAMOS, TRABALHAMOS E ELES É QUE RECEBEM GRATIFICAÇÕES; PROMOÇÕES, INCLUSIVE USANDO DE MANOBRAS ESCUSAS, COMO AGREGAÇÕES TEMPORÁRIAS. MAS ENQUANTO TIVER PRAÇA QUE SE ACHA O COLEGUINHA DE ALGUM OFICIAL PORQUE ESTE LHE DÁ ALGUNS TAPINHAS NAS COSTAS E SE DIZ SEU AMIGO, FICAREMOS ASSIM. CADA DIA MAIS O DESÂNIMO E O SENSO DE INJUSTIÇA QUE IMPERA DENTRO DA PMDF ME FAZ TER MAIS VONTADE DE IR EMBORA DESSA M........

    ResponderExcluir
  2. Muito bom dia a todos,a verdade é que não ha nada escondido que não seja revelado...................

    ResponderExcluir
  3. 1- TOTAL FALTA DE RESPEITO COM PRAÇAS ANTIGOS
    2- NESTE COMENTÁRIOS TEM ATE UM QUERIDINHO DA TROPA OPERACIONAL DA GTOPS, SE ISSO FOR VERDADE E UM PENA.
    4- SE ESSE POSTAGENS FOR VERDADEIRA ESSE CARAS NAO REPRESENTA OS OFICIAS DA PMDF ISSO UMA MENORIA DE SEM NOÇAO.

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
  5. Ouvi uma conversa informal entre um policial militar e o major Euzair, presente no dia do episódio NOVACAP em 1995, disse ele ao policial: "Cara eu já fui indicado para ser sub-comandante de QUATRO UNIDADES mas não deixaram, me barraram". Se lá entre eles há a discriminação e o preconceito imaginem o que eles devem dizer de nós em OF.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O caso foi na verdade em dezembro de 1999.

      O então Ten Euzair foi pego para "Cristo", talvez porque tenha dito a verdade, como por exemplo, que estava como munição letal, embora não tenha usado tal munição. E, como o Roriz e o Diretor da outra corporação queriam subjugar os "guardas", ainda em razão das campanhas eleitorais de 1994 e 1998(essa é minha opinião pessoal), então encontraram a "vítima" perfeita para imputar o homicídio do jardineiro da NOVACAP. E mais, o responsável pelo IPM na PMDF, era um Coronel(já morto) "pudim de cachaça", que queria a todo custo ser Comandante Geral, e aí não deu outra. O cara simplesmente "copiou" a conclusão do IP da PC, e mandou "bala" no Ten Euzair. Resultado? Logo no início do ano 2000 o sujeito foi nomeado Comandante Geral.

      Graças a Deus, o Ten Euzair teve como patrono um excelente advogado(oriundo da PMDF) à época, que também é Procurador do DF, que fez uma competente defesa e, em 2007, logrou êxito em obter a sua absolvição. Mas esse tenente(hoje major) foi abandonado pelos pares sim.

      Já vi(testemunhei pessoalmente) um oficial dessa mesma turma(4ª) dar notícia da expulsão da PMDF de outro colega de turma para outros pares dele, em tom de comemoração, porque diziam que o cara era a vergonha da turma. Hoje o cara anda perambulando lá pelo Setor Policial Sul, desde o ano 2003, completamente desnorteado. Sabem qual era o problema dele? Infrações administrativas, como chegar atrasado e questionar superiores. Não estou defendendo o tal oficial, mas no mínimo é incoerente, quando vemos outros cometendo infrações bem mais graves, sem muitas consequências.

      Excluir
    2. Concordo com o PMDF - REFORMADO. Fico imaginando o caso do "coroné" que cometeu crimes contra a dignidade sexual e não deu em nada. É vergonhoso isso. A imagem da Corporação fica tremendamente arranhada.

      Excluir
  6. Concordo plenamente em tudo que vc disse poliglota!!!Más que é uma vergonha este tipo de postagem, disso eu não tenho dúvidas,é muita pequenez destes frágeis oficiais, de pensamentos tão pequenos, jamais teriam o meu respeito.

    ResponderExcluir
  7. CFSD 1995 - REFORMADO12 de abril de 2015 20:41

    É muito triste ver isso.

    O último nome(Jorge), era SGT antes de se tornar oficial.

    Mas, garanto para os senhores que essa postura não é a regra. Conheço vários que não são assim.

    ResponderExcluir
  8. SEM EXCEÇÕES, OFICIAL QUE FOI PRAÇA SÃO OS PIORES, O CARA VIVENCIOU OS DOIS LADOS E AGORA, EM VEZ DE FAZER ALGO PRA MODIFICAR SEU AMBIENTE DE TRABALHO ELE FAZ PIORAR DE VEZ, TODOS QUE CONHECI NENHUM PRESTOU, NEM COMO PROFISSIONAL DE RUA, NEM COMO SUPERIOR, TODO ADQUIREM UM COMPLEXO DE INFERIORIDADE, ISSO MESMO, COMPLEXO DE INFERIORIDADE PERANTE OS OFICIAIS QUE NUNCA FORAM MILITARES, E ASSIM PASSAM A EXTERNAR SUA FRUSTRAÇÃO CONTRA SEU PASSADO, NENHUM PRESTA, PRINCIPALMENTE OS QUE FORAM PRAÇAS.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. CFSD 1995 - REFORMADO14 de abril de 2015 16:09

      A generalização nunca é boa. Mas compreendo sua desilusão. De fato, essa divisão vai cada vez mais se cristalizando.

      Conheço realmente oficiais que foram praças, os quais são difíceis de lidar. Conheci um(ex SGT), que era tão intolerante e tão inflexível, que um soldado o matou em 2003. O que é totalmente injustificável também.

      Contudo, conheci um ex-praça, que era tão bom que, em um momento em que precisou de ajuda financeira para custear um advogado, em razão de um processo injusto por que passava, vi mais de 100 praças reunidos em um clube, em uma feijoada beneficente para ajudá-lo. Nesse dia, vi um SGT, que mesmo pagando pela feijoada, pegou um cheque de cerca de 15% de seu salário e doou ao dito oficial. Acho que ninguém faz isso para um colega e muito menos para um superior arrogante, faz?
      Mas, mesmo assim, isso não foi o bastante. Foi difamado por uma praça, da forma mais sórdida, que o cara entrou em depressão. O sujeito disse que o cara era gay, apenas por ter elogiado a letra cursiva da referida praça. A coisa mais absurdar que já em minha vida: ser chamado de gay porque elogiou a letra de um cara que tinha despeito contra oficial. Parece que temos muitos problemas sérios para resolver mesmo nessa PMDF.

      Excluir
  9. Na PMDF eu não sei,mas no CBMDF se tirar os subtenentes a corporação trava geral.

    ResponderExcluir
  10. Trabalho na mesma escala do TEN Silvério no 6° BPM e só deixando alguns relatos aqui, nem alojamento de oficiais existe na Unidade então ou o anônimo aí não sabe de nada ou quer jogar mais merda no ventilador. Acho que comentários por vezes são até mesmo infelizes e sei que muitos vão falar do meu post aqui se garantindo do anonimato. Bem até o presente dia não tenho nada que desabone a conduta do Oficial. Considero que os comentários não foram deveras feliz mais o porque de não procurar o cara e falar na cara o porque de tal comentário. Fica aqui a dica.

    ResponderExcluir
  11. Entrada única resolve isso. Todos serão Oficiais desde o início. Fim.

    ResponderExcluir
  12. Comandante Geral publicou no Site da PMDF nota de repúdio as falácias do zap zap, pois os fatos que atentem contra os princípios basilares da corporação provocando a desarmonia de seus integrantes, será apurado independente de posto ou graduação.

    ResponderExcluir
  13. o problema e o poder que os regulamentos e a instituiçao militar dao aos oficiais sobre os praças,,, enquanto nao se acabar com o MILITARISMO DENTRO DA PM,, NUNCA ELES VAO DEIXAR DE SEREM CONSIDERADOS REIS DENTRO DO SISTEMA...
    Alguma semelhancia e mera coincidencia.....""""
    A Carta de Alforria era um documento cedido a um escravo por seu proprietário. Era um tipo de “atestado” de liberdade em que o proprietário abdicava dos seus direitos de posse sobre o escravo. Este último, após a Alforria, começavam a ser considerados pessoas pelos ex patroes.

    ResponderExcluir
  14. Os textos se verdadeiros forem.Além de ofenderem os praças eles também colocaram o oficialato em descredito.Com esses comentarios podem provocam quebra de hierarquia e indisciplina e consequentemente má repercussão do nome da corporação junto a sociedade .Que se apure com rigor pois leis e regulamentos que condenam essas atitudes não faltam e se verdadeiros:pau que bate em chico ,bate em Francisco.

    ResponderExcluir
  15. Comentários infelizes. Estou me sentindo um lixo. Só Deus pra reconhecer nossa luta no dia a dia.

    ResponderExcluir
  16. Que os oficiais não respeitam os praças isso já é sabido, agora o que revolta mesmo é ver praças bajulando essas pessoas como se deuses fossem, fico imaginando com que moral esses bajuladores se comportam entre seus maridos, mulheres, filhos etc.... Esse negócio de baba zovão é tão sério que o babador se acha que é oficial e prejudica até seus pares.

    ResponderExcluir
  17. geová disse:
    bom dia a todos. concordo que isto é questão de caráter. mais um motivo pra acabar com o militarismo. Deus tenha miseicórdia desta Nação, em especial da Capital.

    ResponderExcluir
  18. Anonimo das das 12:17.
    Você tem toda razão quando diz que o problema são as pessoas. O individuo pode fazer o bem, mas quer prejudicar o próximo, mesmo que não ganhe nada com isso. Só inimizade.

    ResponderExcluir
  19. Caramba acabaram com os sub tenentes! Consideração zero! A aparente amizade entre oficial e sub é uma verdadeira farsa. como será os olhares na cessão ? isso vai dá M...

    ResponderExcluir
  20. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  21. NÓS PRAÇAS TEMOS QUE TER VERGONHA NA CARA, OUTRORA JÁ NOS DISSERAM QUE NÃO EXISTÍAMOS, E AGORA ESTES BOÇAIS REFORÇAM OS PENSAMENTOS DOS OFICIAIS. AOS PRAÇAS QUE TRABALHAM COM OS SEUS OFICIAIS, MUITO CUIDADO, POIS SE ABAIXAREM MUITO, MOSTRARAM O QUE NÃO DEVE, FICA O ALERTA...

    ResponderExcluir
  22. Quero ver, se provado essas falácias, os mesmos serão punidos.

    ResponderExcluir
  23. E ainda existe um monte de "pracinhas" que não sabe se colocar em seu devido lugar, e fica com "puxassaquices como: Meu chefe, meu patrão, meu comandante... tomem joseph klimbers.

    ResponderExcluir
  24. O CMT GERAL DISSE QUE PUNIRÁ QUALQUER POLICIAL QUE FAÇA ESSE TIPO DE PUBLICAÇÃO, ENTÃO QUE TAL COMEÇAR POR ESTES AÍ, DEVIDAMENTE IDENTIFICADOS. SERIA UMA RESPOSTA AOS PRAÇAS, PRINCIPALMENTE, QUE SÓ CONSEGUEM ENXERGAR INJUSTIÇAS DENTRO DA INSTITUIÇÃO. PUNA MESMO, SR CMT GERAL, E TERÁ O RESPEITO E RECONHECIMENTO DE SUA TROPA.

    ResponderExcluir
  25. Falta de respeito total com as praças. Mas isso não deveria ser novidade pra ninguém, não sei pq um cara antigo se surpreende com esse tipo de colocação. Pensem muito bem antes de dizer que é AMIGO de oficial. Na próxima discussão sobre benefícios para as carreiras militares, peça para seu amigo defender a sua causa (digo causa das praças).

    ResponderExcluir
  26. Luciano das 23:23,em que mundo você vive meu camarada,com certeza não é praça.Se fosse não diria tamanha asneira "falar na cara" pois então fale e terá como resposta imediata o RDE e o CPM no lombo,ou você duvida?

    ResponderExcluir
  27. Falta de respeito total com as praças. Mas isso não deveria ser novidade pra ninguém, não sei pq um cara antigo se surpreende com esse tipo de colocação. Pensem muito bem antes de dizer que é AMIGO de oficial. Na próxima discussão sobre benefícios para as carreiras militares, peça para seu amigo defender a sua causa (digo causa das praças).

    ResponderExcluir
  28. Esse Luciano ai se identificou, justamente pra o chefinho ficar sabendo da defesa que fez pra o tenente, e receber aquele tapinha nas costas, e o mesmo ir pra casa feliz da vida, toma vergonha na cara puxa saco.

    ResponderExcluir
  29. Nunca,nunca,nunca vou esquecer isso:peso morto.Que DEUS nos faça justiça!
    chega de discriminação com praças,chega!
    O pior inimigo é aquele que se diz amigo.

    ResponderExcluir
  30. Pessoal,doeu muito mais essas frases covardes do
    que os dois tiros que tomei de bandido.

    ResponderExcluir
  31. Sei que o comentário que vou postar agora nada tem a haver com a matéria, mas eu gostaria de deixar minha contribuiçao e que o Poliglota faça dessa uma matéria para discutirmos: “Impeachment” de Dias Toffoli chega bem fundamentado ao Senado Federal!

    Procurem no site JUSBRASIL. fresquinha a matéria e fora esse filho de uma p u t * , vendido para o PT, fez várias provas para a magistratura e nunca passou sequer na primeira fase...Chegou no STF por simples mando do Presidente da República, ou seja, só chega lá se for por DETERMINAÇÃO DO PRESIDENTE DA REPÚBLICA, só se chega ao STJ idem...Só se chega a DESEMBARGADOR (Estados DF) Se DETERMINADO PELO GOVERNADOR...Assim, quem manda no País é o E X E C U T I V O...Essa história dos poderes independente é apenas falácia...Brasil um País de todos (ladrões).

    Se quem deveria dá o exemplo: Presidente(a) da República, Governador não o fazem...Vocês acham quem vai dá???

    ResponderExcluir
  32. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  33. Se tem praças quê só serve como peso de mesa,imagimen oficiais quê na maioria dos quartéis,os oficiais tudo de restrições,no terceiro bpm,num tem oficial pra trabalhar nas ruas,os quê tem tão de restrição,esse fatos ocorrem em todos quartéis,a galera de estrelas num querem nada com a dureza não,e uma minoria quê trabalham das ruas.

    ResponderExcluir
  34. Porque se manter anônimo.
    Não trabalha certo? Quem trabalha certo e está com suas argumentações corretas não precisa ter medo. Eu sou assim... Ah e nunca precisei puxar saco porque não ando errado.
    Até porque assim seja da sua parte não se assegura uma liberdade a quem não assume suas opiniões.
    Até porque o exercício desta liberdade implica determinados ônus como, por exemplo, responder por eventuais injúrias ou difamações, que não seriam assegurados por esta liberdade.
    Então se oficiais erraram que respondam.
    Mesmo por que, inciso seguinte do artigo quinto diz:
    V -É assegurado o direito de resposta, proporcional ao agravo, além da indenização por dano material, moral ou à imagem.
    O que vejo é o risco de que este meio de anonimato seja usado para publicar ofensas nas redes.


    ResponderExcluir
  35. Senhores,

    Respeitar o direito à livre manifestação é CONSTITUCIONAL. Portanto, solicito que respeitem o comentário do colega e não façam juízo de valores de quem quer que seja. Isso não nos cabe.

    Quanto ao anonimato, vejo que o primeiro passo para se conquistar é ser simplesmente VOCÊ.
    Então que tal começarmos a quebrar esse paradigma de que "não existimos"? Quem topa o desafio?

    Jorge Antonio Martins
    Tenente da PMDF
    Matrícula 07.638/4

    E não tão somente Poliglota!

    ResponderExcluir
  36. A coisa FICOU FEIA esse tal de Muntizzuma vai responder ao EB e ao CBMDF.Quem eram os SubTen da época dele que não faziam nada?

    ResponderExcluir
  37. NAO ENTENDI O ESPANTO! NA tentativa de fazer uma nova restruturaçao 2014, um dos itens era o praça chega ATÉ SUBTENENTE, fechando as portas de QOPMA AOS MESMOS ! NAS VOTAÇOES O COMANDO ENCHIA OS MICRO DE PRAÇA ( EXPEDIENTE) PUXA SACO, PARA VOTAR A FAVOR DE INTERESSE DOS OFICIAIS.

    ResponderExcluir
  38. Ficar aqui chorando que nem menino não irá resolver nada!! Aqui todo mundo sabe o que fazer, enfim, que se achou prejudicado com esses fatos acionem a justiça e ponto final.

    ResponderExcluir
  39. Fico a pensar:temos associaçao de sub tenentes e sargentos?se temos cabe representação judicial?se cabe pq não houve ate agora?Responsabilizar apenas quem cometeu o fato e não a classe que eles pertencem.Questão de justiça

    ResponderExcluir
  40. CFSD 1995 - REFORMADO14 de abril de 2015 16:25

    Os senhores estão estupefatos com esses dois oficiais, mas se esquecem que muitos graduados fazem o mesmo.

    Eu mesmo, quando ainda era aluno do antigo CFSD, tive o desprazer de lidar com um aluno do CFS, que era arrogante e completamente desrespeitoso. O cara era só aluno, mas já se sentia o manda-chuva do antigo CFAP em Taguatinga, de tal forma que, faria o Comandante do Corpo de Alunos(Capitão Robson) e nosso Comandante de Pelotão(SGT Emivaldo) sentirem-se meros recrutas aprendizes. Claro que ele fazia isso longe dos olhos destes dois exemplos de comandantes. O SGT Emivaldo, por exemplo, era um excelente Comandante de Pelotão, sempre preocupado em ensinar bem seus comandados, e sempre nos dava exemplos práticos de como nos portar em diversas situações que enfrentaríamos na rua. Já, o Capitão Robison(hoje Procurador do DF), não deixava que o SGT Emivaldo "exagerasse" na ralação com os alunos. Esses dois moços me ensinaram muito, em especial o SGT Emivaldo, em quem me espelhei muito, por sua biografia profissional.

    Voltando ao "poderoso" chefão aluno do CFS, o linguajar mais ameno que esse aluno do CFS usava era o famoso "nem sabe se fica", e gritando no ouvido de aluno do CFSD. O cara tinha o dom de humilhar um aluno do CFSD. Depois que o cara saiu do CFAP, continuou a mesma figura sub-reptícia, asquerosa e evitável, agora como SGT.

    ResponderExcluir

1 – Para comentar no Blog do Poliglota você poderá informar, além do seu nome completo, um apelido que poderá usar para escrever comentários.

2 – Serão eliminados do Blog tenpoliglota2012 os comentários que:
A - Configurem qualquer tipo de crime de acordo com as leis do país;
B - Contenham insultos, agressões, ofensas e baixarias;
C - Reúnam informações (e-mail, endereço, telefone e outras) de natureza nitidamente pessoais do próprio ou de terceiros;
D - Contenham qualquer tipo de material publicitário ou de merchandising, pessoal ou em benefício de terceiros.
E – Configurem qualquer tipo de cyberbulling.

3 – A publicação de comentários será permanentemente bloqueada aos usuários que:
A - Insistirem no envio de comentários com insultos, agressões, ofensas e baixarias;

Avisos:

1 – No Blog tenpoliglota2012, respeitadas as regras, é livre o debate dos assuntos aqui postados. Pede-se, apenas, que o espaço dos comentários não sirva para bate-papo sobre assuntos de caráter pessoal ou estranhos ao blog;

2 – Ao postarem suas mensagens, os comentaristas autorizam o titular do blog a reproduzi-los em qualquer outro meio de comunicação, dando os créditos devidos ao autor, com os devidos ajustes;

3 – A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica.

Os comentários estão liberados, no entanto àqueles que afetarem diretamente a honra e a imagem de quaisquer pessoa, física ou jurídica, àqueles que atentarem contra o decoro da classe, a honra e o pundonor militar serão MODERADOS.
tenpoliglota2012@gmail.com