quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

A descredibilização das polícias pela Rede Globo


Até ontem eu tinha uma admiração pelo jornalista e apresentador do programa “Profissão Repórter”, da Rede Globo, Caco Barcelos.

Após essa reportagem tendenciosa, descabida e com cunho meramente revanchista, passa esse cidadão a ser uma “persona non grata” no meu conceito e, tenho certeza absoluta, no seio de todas as policias militares do Brasil.

No momento em que o crime organizado assola o país, enfrenta as forças de segurança, assassina policiais indistintamente, eis que a Rede Globo resolve promover uma verdadeira carnificina midiática, sensacionalista e hipócrita contra aqueles que estão aí para proteger a vida da sociedade. Se o bandido enfrenta o policial ele não está afrontando o homem, mas o Estado. Portanto, os resultados de suas ações serão proporcionais.

Talvez a equipe de Caco Barcelos não tenha feito uma pesquisa antecipada sobre o número de policiais mortos em 2014. Só no Rio de Janeiro foram 114. Em São Paulo num período de menos de 17 horas 4 policiais foram assassinados, isso sem falar no restante do Brasil que tem uma estatística de um policial assassinado a cada 32 horas.

Nesse instante centenas de familiares de policiais assassinados por bandidos choram a perda e não houve sequer sensibilidade para que fossem respeitadas essas famílias. Qual a intenção das Organizações GLOBO de Jornalismo, quando no exato momento que familiares sofrem, choram, velam e enterram dezenas de corpos de seus filhos, esposos e pais, trabalhadores da Segurança Pública, exibe um documentário tendencioso em rede nacional, desqualificando toda categoria policial do país?

Nós, policiais de todas as instituições de segurança desse país, assistimos cotidianamente às mortes de diversos de nossos irmãos policiais, os quais subjugados e torturados, são assassinados covardemente, sem chances de reação, deixando uma lacuna imensa no seio familiar, (filhos órfãos, esposas viúvas, mães e pais desamparados), mas também um enorme sentimento de revolta entre seus amigos e colegas policiais, ante o flagrante descaso estatal para com esses policiais vitimados, abatidos em razão tão somente da  profissão que abraçaram em vida, e o descaso para com todos os demais "Policiais do Brasil". Perdoem-me se cometo alguma injustiça, mas até hoje não vi por parte do Sindicato dos Jornalistas, federações nacionais ou dos ilustríssimos membros do Ministério Público ou da Magistratura, qualquer empenho ou mesmo mera nota de pesar quando da morte de nossos irmãos. Isso sem falar das famosas Comissões de Direitos Humanos...mas de bandidos!

Acho que chegou o momento do amadurecimento, do brio, da vergonha na cara de toda classe policial brasileira. Precisamos mostrar nossa indignação com as armas que temos, nossa boca. Polícias de diversos estados, como Recife, Manaus e Paraná já estão fazendo sua parte. Silencie-se! Se querem informações que procurem os departamentos de comunicação social das instituições, afinal, lá tem gente muito bem preparada para isso e que ganham muito bem, se é que me entenderam!!!

Por Poliglota...

Segue abaixo uma Nota de Repúdio do Marcos do Val Membro, Instrutor da SWAT e fundador do CATI treinamento policial ltda. Doutor Honoris Causa, pela faculdade da Florida nos EUA, antes da reportagem:

((( NOTA DE REPÚDIO! )))

Gostaria de, hoje, fazer uso desta minha ferramenta de comunicação, que atinge – direta e indiretamente- mais de 50 milhões de pessoas, para falar sobre a reportagem que vai ao ar no programa Profissão Repórter, da TV Globo.

Haverá consequências para a Segurança Pública de nosso País decorrentes da veiculação de reportagens que exponham apenas a violência policial.

Vou explicar!

Em todas as profissões, e em qualquer parte do mundo – não é uma exclusividade brasileira-, existem os bons e maus profissionais. Este tipo de matéria fomenta a oposição da sociedade em relação à toda ação policial e leva ao desrespeito generalizado pela profissão. As consequências disso são inúmeras, como, por exemplo, a descredibilização da policia perante os jovens e adolescente, que deixam de tê-la como exemplo, se opondo à sua autoridade e famílias que fazem oposição ao ingresso de seus membros na instituição, aumentando sensivelmente o número de crimes.

Não venho, por meio desta publicação, defender a violência policial, nem compactuar com os maus policiais. Assim também têm se posicionado os bons profissionais da Segurança Pública, os quais preconizam a punição – tanto pelas corregedorias, como também pela justiça - dos que ferem a honra da profissão. É preciso separar o joio do trigo!

Por que não levar os aspectos supracitados em consideração na confecção da reportagem e, além de mencionar a violência e os aspectos negativos - pois esta denúncia também possibilita a mudança -, evidenciar também o lado positivo? Ou então, me pergunto: será que estão preparando um programa inteiro que só mostre ações heroicas da polícia e as dificuldades de ser policial no Brasil?

Nos EUA e imprensa gera muito mais matérias positivas do que negativas. Sendo rara a sua ocorrência, quando há, a repercussão é mundial, como pudemos testemunhar recentemente, no caso do policial branco que matou o menino negro.

Se divulgamos SÓ o caos, mais o caos se estabelece. A sociedade precisa gostar de consumir matérias televisivas que também mostrem o lado positivo e heroico da polícia. Pensem sobre isso!

Portanto, em nome da grande maioria de policiais, que nos dão orgulho, fica aqui o meu desabafo e a preocupação com as conseqüências advindas desta reportagem.

Marcos do Val – Via facebook

19 comentários:

  1. NOS DEIXAMOS CHEGAR A ESSE PONTO TIVEMOS AMIGOS PRESOS BRIGAMOS PELO UM PLANO DE SAUDE DECENTE AGORA VOLTOU COM ANTIGAMENTE INACREDITÁVEL
    Fabiano S. Pereira
    23 h
    Alguém saberia explicar o porque do nosso "lindo", "maravilhoso", "moderno", "super", "mega", "hiper", de ultima geração, hospital centro médico, não estão atendendo as ligações no número que indicaram?
    Estou há mais de um mês, ligando "todos" os dias para lá, e sequer consigo falar com alguém no tal número. Não é nem por falta de agendamento não, é que não se consegue mesmo falar com ninguém neste tal número divulgado. Chama, chama, e ninguém atende. Alguém tem outra informação, diferente da circular? Ou seja, estaria havendo outra forma de marcação de consultas?
    2 min · Curtir

    Jose Dias Zereca rcione Lima Sinceramente é um retrocesso sem precedentes na história da saude na PMDF, esse cancelamento das consultas eletivas, quem trabalhou lá época da implantação dos credenciamento é prova da luta que foi e agora de uma hora para outra resolve cancelar tudo. Tudo em nome dessa maldito contenção de gastos logo na área mais sensível. É muito triste isso, poderia chegar essa informação ao governador para que sensibilize e faça retornar as consultas até contratar os profissionais suficiente para o atendimento. Não adianta ter equipamento e instalações de primeiro mundo e não ter recursos humanos para atender. fica aí o apelo.
    Agora mesmo · Curtir

    PMDF PEDE SOCORRO

    ResponderExcluir
  2. Nunca tive admiração por esse jornalista e apresentador Caco Barcelos, suas matérias, reportagens e noticias sempre levaram a desmerecer o trabalho policial, nas décadas de 70 e 90 Caco Barcelos investigou a Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar (ROTA) e diz ter provado que ela (ROTA) atuava como aparelho estatal de extermínio, responsável pela execução de milhares de pessoas. (Só faltou ele dizer que todos os executados eram SANTOS).A reação às denúncias obrigou o repórter a passar um período fora do Brasil, devido a ameaças de morte.

    ResponderExcluir
  3. Ele é o autor do livro ROTA 66, no qual critica ação da polícia paulista contra os vermes da sociedade.

    ResponderExcluir
  4. Eu acho é pouco essa reportagem. Tem um monte de Policiais imbecis que ficam babando atrás da Imprensa para passar ocorrência. Toma essa na cara bando de idiotas.

    ResponderExcluir
  5. CONVÊNIO SANTA MARTA ESTÁ CORTADO. A POLÍCIA NÃO ME FAZ FAVOR ALGUM, NÓS PAGAMOS POR NOSSA SAÚDE INTEGRAL, ESTÁ NA LEI, E TEM QUE SER CUMPRIDO, ALÉM DO MAIS, A VERBA É FEDERAL. CADÊ O DINHEIRO QUE ESTAVA AQUI????? ÓTIMA MATÉRIA PARA O QUADRO DO FANTÁSTICO

    ResponderExcluir
  6. O Policial inteligente não dar entrevistas, não faz selfie nem filmagens de suas abordagens para jogar no youtube ou no sem noção da Rede Esgoto.

    DIGA NÃO À ENTREVISTAS

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pedir que Policiais não "dê" entrevista é mesmo que pedir que macaco não coma banana. Esses PMs são uns verdadeiros atores Hollywoodianos afff. Dar entrevistas é o mesmo que cuspir pra cima, uma hora o cuspe cai na sua cara PM ator.

      Excluir
  7. Estou aqui me preparando para o deslocamento da caminhada da justiça . E você é meu convidado vamos nessa, a luta é ardua porém o desanimo só fortalecerá os nossos opositores de carteirinhas tipo : GOVERNO , IMPRENSA E PARTE HIPÓCRITA DA SOCIEDADE . AS 14 hs saindo do estacionamento do museu da república , até lá a todos fuuuuuuuuuuuuuiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii !
    Sgt Chagas !

    ResponderExcluir
  8. geová disse: bom dia a todos. não estranho esta reportagem de tal emissora. a décadas q esse veículo de comunicação tendencioso visa o revanchismo não só a segurança, mas ao q é decente. vê-se pelos suas novelas e programas como big bosta brasil e o apresentado nas tardes de domingo. Cabe a nós formadores de opinião em nossas rondas ostensivas desconstruir conversando e praticando junto as pessoas sobre a nossa importância pra sociedade. Mostrando q a violência vivenciada hj é fruto de leis frouxas q beneficiam bandido(quer maior ou menor).

    ResponderExcluir
  9. repito, pior que essa rede globosta, só mesmo os policiais que adoram enfiar um microfone na boca pra aparecer pra família e no boteco pra dizer que é operacional, pra vc policial que eu tô falando tome vergonha na cara e tenha dignidade, e respeite os policiais de bem desse país.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkk e o pior é o pm propaganda,ele filma a ocorrencia e sai colocando materia em todo tipo de comunicação,ai cumpadi é só pi......

      Excluir
  10. NÃO ENTENDO PORQUE O PESSOAL DA ROTA AINDA NÃO DEU UM JEITO NESSE SEM VERGONHA DESSE JORNALISTA DE ARAQUE.

    ResponderExcluir
  11. A VERDADE É UMA SÓ E DELA NÃO PODEMOS FUGIR. O PM É UM ACOMODADO QUE NÃO SABE O QUE QUER. JOGOU FORA A POSSIBILIDADE DE COLOCAR UM REPRESENTANTE E NÃO CONSEGUIU. AGORA VIVE EM REDES SOCIAIS CHORANDO E CHORAMINGANDO EM BUSCA DE ALGUMA COISA. VÃO ATRÁS DOS RONERS, JANIOS, CLAYTON E HERMETOS DA VIDA PARA VER SE CONSEGUEM ALGUMA COISA. PERDEMOS UMA GRANDE OPORTUNIDADE DE COLOCARMOS UM VERDADEIRO REPRESENTANTE QUE ERA O POLIGLOTA E ESCOLHEMOS A MISÉRIA. ENTÃO AGORA É CHORAR O LEITE DERRAMADO.

    ResponderExcluir
  12. Ridículo, patético e extremamente desproporcional essa aprovação de menor ser enquadrado como menor infrator. Esses vagabundos menores tem que responder como qualquer jovem em países desenvolvidos.São marginais e como tal devem ser tratados.

    ResponderExcluir
  13. RETIRADO DO SITE DO DETRAN :Domingo, 22 Fevereiro 2015 22:32
    LICENÇA-PRÊMIO: ONDE HÁ FUMAÇA, HÁ FOGO...
    Escrito por Fábio Medeiros
    tamanho da fonte Imprimir E-mail

    A publicação de uma matéria no Jornal de Brasília deste sábado, dia 21/02/2015, abordando o tema da licença-prêmio trouxe de volta uma preocupação dos servidores públicos do GDF em relação a alguns direitos. Existe o boato de que um Projeto de Lei está sendo estudado para alterar ou extinguir alguns dispositivos da Lei 840, que é o estatuto dos servidores públicos do Distrito Federal.

    Veja a matéria do Jornal de Brasília, acessando o link abaixo:

    http://edicaodigital.jornaldebrasilia.com.br/web/?state=zoom&data=21/02/2015&pagina=11



    O fato é que o Arruda em seu auge de poder também tentou acabar com este direito, mas foi derrotado pela união de todas as categorias. A equipe econômica do Governo Rollemberg é formada de “técnicos” importados de Minas e São Paulo, cuja especialidade é a restrição e até a retirada de direitos dos servidores públicos. No Governo Arruda esta tentativa não deu certo. Com o novo Governo é previsível o extremo desgaste, pois haverá unidade entre as categorias para combater esta ou qualquer outra tentativa de retirada de direitos.

    A diretoria do Sindetran/DF está acompanhando atentamente o desenrolar deste "boato" como também investigando outras informações de possíveis retirada de direitos dos servidores previstos em lei. A certeza que temos é que não aceitaremos qualquer retirada de direitos e convocaremos, sempre que necessário, toda a categoria para juntos, defendermos as conquistas alcançadas, fruto de muitas lutas e negociações. Havendo essa tentativa de mudar as regras da licença ou até mesmo, extinguir o direito, iremos buscar o apoio de todas as categorias do GDF, e de todos os sindicatos, como também a CUT-DF.

    Entendemos que o GDF tenha que conseguir o equilíbrio financeiro em suas contas, mas os servidores não podem e não devem ser o alvo dessa economia. Há de se buscar alternativas de gestão, para a busca do equilíbrio fiscal. Tem que fechar a torneira aberta dos gastos públicos desnecessários, como também das licitações mal feitas, e quase sempre, com superfaturamento de preços. Isso sim, deveria e deve ser feito. Os servidores públicos não têm culpa pelo desequilíbrio nas contas do GDF.

    Podemos até "aceitar" a demora em novos avanços para as categorias, mas retirar direitos já alcançados, isso é inaceitável. Retirar direitos, nunca. Iremos até as últimas consequências, caso essa prática aconteça. E com certeza, teremos o apoio de toda a categoria, como também de todos os servidores do GDF e de todos os sindicatos.

    Estamos de olho...



    SINDETRAN/DF: PELA MANUTENÇÃO DOS DIREITOS E CONQUISTAS HISTÓRICAS. RETIRAR DIREITOS É INACEITÁVEL.....



    voltar ao topo
    скачать wordpress
    игры android
    O Sindetran-DF
    Notícias
    Periódico
    Assembleias
    Sindetran-DF na mídia
    Legislação
    Jurídico
    Fórum

    Sindicato do Servidores do Detran/DF
    SRTVN Qd. 702 Conjunto "P" Sala 2083
    Brasília/DF
    CEP: 70719-900

    Fone: +55 (61) 3328-7141
    E-mail: sindetran.df@gmail.com

    ResponderExcluir
  14. Não sou policial militar, mas tem muitos amigos que fazem parte desta grande corporação, que foi criada para proteger o cidadão de bem.Quando vi a chamada desta famigerada reportagem da Rede Roubo, me recusei a perder meu tempo em assistir mais um achaque as forças policiais, não qual o interesse da rede roubo com esse tipo de reportagem, será que o crime organizado esta financiando mídia na emissora.

    ResponderExcluir
  15. O problema vai mais além das entrevistas cedidas por PMs,sinceramente não entendo o tamanho da audiência que a rede esgoto tem por parte dos policiais principalmente nos batalhões. Duvidam façam o teste começando pela manhã, só da a a globo nos aparelhos de tv dos quartéis e como diria o boris isso é uma VERGOMHA.

    ResponderExcluir
  16. boa noite a todos!eu já a muito tempo não ligo meu aparelho de tv nesta rede esgoto,pois ela tem sempre demostrado tendenciosa,para jogar a sociedade contra os policiais,e tem sempre promovido programas que não acrescenta nada,de útil para a população pelo contrario esta rede esgoto, só promove programas que tendem a inversão de valores,levando assim a sociedade que já esta valorizando o que não tem valor algum,copiarem os personagem fictícios criados por esta rede de desinformação,se os policiais quiserem unidos,nós e os nossos familiares em todo o brasil,daremos a resposta a esta rede esgoto,quebrando a audiência dos seus programas levando,os seus diretores a repensar esse tipo de exibição,promovendo o insulto a nós policiais,que só a nossa profissão por si só já nos é critica e desvalorizadas pelas autoridades,e pelos nossos gestores, ainda vem esse dito jornalista fomenta ainda mais,essa falta de respeito por nos policiais militares,eu não sei se é possível mas se tem um mecanismo,que nós possamos entrar com uma ação judicial pedindo uma retratação,ou ate mesmo uma indenização contra essa rede esgoto e o seu jornalista,ou será jornaleiro kkkkk! um abraço a todos!!

    ResponderExcluir
  17. Poliglota vcs deveriam entrar com uma judicial contra esse reporte, por descredencia uma istituição como a pm brasileira ! Por que não o fazem? Eu digo todos os orgãos que representam os pms de todo o brasil.

    ResponderExcluir

1 – Para comentar no Blog do Poliglota você poderá informar, além do seu nome completo, um apelido que poderá usar para escrever comentários.

2 – Serão eliminados do Blog tenpoliglota2012 os comentários que:
A - Configurem qualquer tipo de crime de acordo com as leis do país;
B - Contenham insultos, agressões, ofensas e baixarias;
C - Reúnam informações (e-mail, endereço, telefone e outras) de natureza nitidamente pessoais do próprio ou de terceiros;
D - Contenham qualquer tipo de material publicitário ou de merchandising, pessoal ou em benefício de terceiros.
E – Configurem qualquer tipo de cyberbulling.

3 – A publicação de comentários será permanentemente bloqueada aos usuários que:
A - Insistirem no envio de comentários com insultos, agressões, ofensas e baixarias;

Avisos:

1 – No Blog tenpoliglota2012, respeitadas as regras, é livre o debate dos assuntos aqui postados. Pede-se, apenas, que o espaço dos comentários não sirva para bate-papo sobre assuntos de caráter pessoal ou estranhos ao blog;

2 – Ao postarem suas mensagens, os comentaristas autorizam o titular do blog a reproduzi-los em qualquer outro meio de comunicação, dando os créditos devidos ao autor, com os devidos ajustes;

3 – A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica.

Os comentários estão liberados, no entanto àqueles que afetarem diretamente a honra e a imagem de quaisquer pessoa, física ou jurídica, àqueles que atentarem contra o decoro da classe, a honra e o pundonor militar serão MODERADOS.
tenpoliglota2012@gmail.com