segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Dilma reeleita. Rolemberg comanda o Distrito Federal.

Passado a euforia de uma das mais difíceis eleições da história, voltamos a realidade. O povo brasileiro, democraticamente, reelege sua Presidenta Dilma Rousseff e o Distrito Federal ganha um novo governador, Rodrigo Rolemberg.

Para nós, policiais e bombeiros, nada muda, haja vista nosso compromisso institucional. A esperança é que os compromissos firmados por ambos os governantes eleitos possam realmente ser cumpridos e que os benefícios prometidos sejam coletivos.

Já nessa semana deverá iniciar o processo de transição de governo e esse deverá ser nosso foco. Temos dois deputados federais, Alberto Fraga (155.056 votos) e Laerte Bessa (32.843 votos), que representam dois segmentos que compõe a segurança pública de Brasília, e com eles deveremos acompanhar de perto essa transição, pois dela também dependerá nosso futuro.

Em sua primeira entrevista como governador eleito, Rolemberg afirmou que sua primeira providência será criar um Conselho de Transparência e irá procurar focar no quesito gestão. Disse ainda que não cogitou nomes para secretarias e administrações, principalmente em troca de apoios, mas que está aberto a apoio de qualquer partido. Declarou ainda que sabe que vai receber o governo com um déficit de 2,1 bilhões de reais.

Mas um fator ficou evidenciado nessas eleições: Os policiais e bombeiros militares demonstraram sua capacidade de mobilização e poder de voto quando tiraram do segundo turno o Partido dos Trabalhadores. Daqui a 4 anos essas categorias estarão mais amadurecidas e quem sabe não consigam traduzir isso numa representatividade na Câmara legislativa, desde, claro, que se organizem como a maioria das classes trabalhadoras do Distrito Federal.

Para o próximo quadriênio, haverá a necessidade de muito diálogo, pois sem nenhum representante eleito, os militares estarão praticamente na mesma situação que traduz a atual composição parlamentar, mesmo tendo dois representantes escolhidos pelas categorias como Patrício e Aylton Gomes.

Ao governador eleito Rodrigo Rolemberg, nossos sinceros votos de um bom governo e de preferência promissor, voltado efetivamente para nosso povo e nossas instituições, lembrando que serão quatro anos de avaliação permanente dos eleitores de Brasília que nele depositaram sua confiança.


Por Poliglota...

40 comentários:

  1. Quero deixar registrado minha idéia para a proposta de reajuste salarial e plano de reestruturação de carreira.
    Tudo baseado no salário do Cel com carreira única e promoção de 3 em 3 anos sem dependência de vagas, sendo que a promoção de 1º Ten para Cap somente através de concurso. Vejam só a tabela salarial:
    Cel 100%
    Ten Cel 96% do salário do Cel e assim por diante.
    Major 92%
    Cap 88%
    1º Ten 84%
    2º Ten 80%
    ST 75%
    1º SGT 70%
    2º SGT 65%
    3º SGT 60%
    Cabo 50%
    Soldado 40%
    Aluno 37,5%
    E para aqueles que defendem o salário do Soldado maior quero dizer que ninguém vai morrer Soldado, portanto o que interessa é o valor que o policial vai levar para a reserva, esse sim, é o que ele vai ter até o fim da vida. Outra questão é que os outros estados da federação não vão ter argumentos de que o nosso salário é o maior do Brasil, pois o que vale para a mídia e o restante do país é o valor do menor salário. Estou aberto ao debate e quem tiver outras propostas que apresente.
    1º SGT Assis Araujo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. JÁ TEMOS UMA PROPOSTA... ESTÁ FOI APRESENTADA AQUI MESMO NESSE BLOGGER!!
      VEJA O LINK: http://tenpoliglota2012.blogspot.com.br/2014/09/reestruturacao-policial-e-bombeiro-nao.html?m=1

      CFP, APENAS-1

      Excluir
    2. Vamos pará de bobagem, pessoal. Ninguém liga para isso... vai durmir para continuar sonhando.

      Excluir
    3. Concordo com SGT Assis,
      o salário que aparece nas mídias e o menor,
      se a cada degrau tivermos um aumento significativo
      e fluidez de promoçoes nossos situaçao seria outra!!!

      CB Novin

      Excluir
    4. PELO VISTO JÁ E CB E JÁ PENSA QUE E GENTE COITADO SE UM DIA CHEGAR NO TOMO VAI MORAR SOZINHO PQ NINHEM AGUENTA ESTE TIPO

      Excluir
    5. Caro anônimo das 14:53
      Não sei se sua resposta foi dirigida a mim,
      se foi peço que a reescreva como a gramática exige
      para que eu possa entender alguma coisa tentou dizer...

      CB Novin

      Excluir
  2. É UMA NOVA FASE PARA A POLÍCIA E BOMBEIRO MILITAR, POIS DEVEMOS TER POSTURA PROFISSIONAL E DE ÉTICA, DEIXANDO DE LADO QUALQUER EMBATE OU ESPÍRITO DE CONFUSÃO. TEMOS QUE MANTER UM CANAL DE DIÁLOGO COM O NOVO GOVERNADOR E FAZERMOS NOSSO PAPEL DA MELHOR FORMA POSSÍVEL PARA QUE HAJA RECIPROCIDADE, AFINAL, A NINGUÉM INTERESSA NOVAS MANIFESTAÇÕES, OPERAÇÃO TARTARUGA, ETC... POIS SÓ CAUSA DESGASTE POLÍTICO E PREJUÍZOS IRREPARÁVEIS À TODA A SOCIEDADE.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ANT PT AGORA ANTE PSB27 de outubro de 2014 14:20

      MEU NOBRE POSTURA E ÉTICA VAMOS MOSTRAR NO TARTARUGÃO DURANTE 4 ANOS
      ELE QUE TEM QUE TER POSTURA E ÉTICA E CHAMAR A TROPA PARA CONVERSAR SOMOS CONCURSADOS ELE TEM 4 ANOS E NOS O RESTO DE NOSSAS VIDAS AI VOCE TIRA QUEM E MAIS FORTE E DE QUE LADO QUER FICAR

      Excluir
    2. Amigo das 11:21 o diálogo que esse seu novo governador manterá conosco, será só trabalho e ameaças com o RDE, espere e verás.KKKKKKKKK, inocente.

      Excluir
  3. SOLDADO RR COM ORGULHO27 de outubro de 2014 11:23

    ANTES DE MAIS NADA QUERO DEIXAR MEUS DESAGRADO POR PENA DE BRASILIA QUE VIVEREMOS
    MAIS 4 ANOS DE NADA MAIS NADA QUEM VOTOU 40 AGORA ESPERE E VERA SÓ VIRAR OS NUMEROS 04 QUE SERÃO 4 LONGOS ANOS DE DESGOSTO E MUITO SOFRIMENTO QUANTO AO
    NOBRE COLEGA ANONIMO DAS 10;46 SÓ TENHO UM RECADO VAI FAZER O CURSO NA PRONATEC PQ AQUI MEU CARO NÃO VEREMOS BENEFICIO NENHUM SÓ TRABALHO QUANTO AO SOU ESBOÇO DE PROPOSTA JOGUE ELA NO LIXO PQ A BASE DE TUDO E SOLDADO E SEMPRE SERA SOLDADO.

    ResponderExcluir
  4. Amigo e os Inativos como fica nessa proposta tendo em vista que tudo é feito para os ativos!!!!!

    ResponderExcluir
  5. Gente tô de malas pronta pra ir embora,vou morar no nordeste,lá terei mais dez filhos,pra ganhar todos os tipos de bolsas oferencidas pelo o governo,livre de qualquer imposto,ainda vou curtir as praias e as cachaças,com os vales leite e pão.kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk..........e aqui a 4 anos voto no pt de novo,pra trabalhar???

    ResponderExcluir
  6. Esqueça essa falácia colega Assis,
    Com o Governo que aí está não haverá argumentos, foi trocado 6 por meia dúzia, ou seja será empurrado goela abaixo o que for mais favorável ao Governo.

    ResponderExcluir
  7. Esse é o momento de usarmos de inteligencia.Nem as bolsas aguentaram a reeleição de Dilma,mas aqui no DF temos que esperar o que nos apresentará o novo governo.Quanto a você meu amigo Poliglota cabe mais do que nunca a responsabilidade de agregar nossa categoria,pois mesmo você não sendo eleito foi protagonista de quase 6 mil votos e não podemos esperar de suplentes que foram eleitos pelo partido vencedor.Suplente só é´colocado na câmara para votar a favor de governos e se pisar na bola o titular volta.

    ResponderExcluir
  8. Amigo,pra os inativos??nada!só perca........

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Senhores, e por essa e muitos outros questionamentos que estamos batendo na tecla de que a única saída para todos e justamente "abraçarmos" essa proposta que apresentamos aqui (*). Pois caso contrário, infelizmente já falamos inúmeras vezes: o que vier será apenas paliativo e como todos bem sabem, ou melhor já sentiram na pele, não resolve nem se quer o presente. Portanto, vamos refletir e analisarmos com a devida atenção essa nossa proposta (*).

      (*) http://tenpoliglota2012.blogspot.com.br/2014/09/reestruturacao-policial-e-bombeiro-nao.html?m=1

      EQUIPE TÉCNICA

      Excluir
  9. EU NAO ACREDITO EM UMA PESSOAL QUE ANDA COM ROSSO DA VIDA MUITO MENOS COM REGUFFE DIZ QUE PM FOLGA MUITA JA E O SINAL
    MAIS DESEJO UM BOM GOVERNO AO GOVERNADOR ROLLEMBERG ,NAO ESPERE BOAS NOTICIAS TAO CEDO O RECADO DO CHICO VIGILANTE FOI DADO COMO 99% DEPENDEMOS DO GOVERNO FEDERAL EU PESSOALMENTE NAO ACREDITO ESTAREI TORCENDO ;

    ResponderExcluir
  10. SABE O QUE VAI VIR PARA TODOS

    PUNHO FIRME ARROCHO

    A QUALQUER TIPO DE RETALIAÇÃO

    É PUXAR A CARROÇA E IR EMBORA

    NÃO VOTAREI EM NINGUÉM NA PRÓXIMA ELEIÇÃO,

    POIS TENHO CERTEZA DE QUE EXISTE MANIPULAÇÃO NAS URNAS ELETRÔNICAS

    SÓ NÃO ENXERGA QUEM NÃO QUER

    PORÉM FAZER O QUE JÁ FOI

    É O PT QUE MANDA

    E MANDARÁ NOS PRÓXIMOS MIL ANOS

    ResponderExcluir
  11. geová disse:
    bom dia a todos. gostaria de saber qual será sua postura poliglota? agora q a vaca foi pro brejo....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nobre amigo Geová,

      Postura sóbria que me notabilizou durante todo esse tempo. Preciso dizer mais alguma coisa? Espero que o novo governo cumpra seus compromissos, se não o fizer a resposta não será do Poliglota, mas sim de uma corporação capaz de agregar mais de 100 mil, porém incapaz de não conseguir eleger um único representante.

      Que a lição seja assimilada!

      Excluir
    2. geová disse: esperamos poder contar com vc como nosso representante novamente, não desanime. e também espero q a lição seja assimilada.

      Excluir
  12. DILMA REALMENTE MERECEU A RELEICAO AECIO PERDEU EM MINAS GERAIS PORQUE NAO FOI UM BOM GOVERNADOR ; A RESPOSTA VEIO NAS URNAS, IGUAL OS BRAZILIENSES DERAM A RESPOSTA A AGNELO E O AQUI SE FAZ AQUI SE PAGA ; SE OS MAIS POBRES E NESSECITADOS VOTARAM EM DILMA E PORQUE ALGUMA COISA ELA FEZ POR ELES ; O POVO NORDESTINOS NAO SAO INGRATOS NEM BURROS PARA TROCAREM O CERTO PELO O INCERTO ·

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Colega, respeito a sua opinião. Porém os mais pobres e necessitados não são bancados pela Dilma, e sim pelos nossos impostos que são descontados de nossos salários sem a gente poder fazer nada. São bancados pela alta carga tributária que se paga nesse país de quem trabalha e produz, pra justamente poder bancar os que mais necessitam. Não sou contra ajudar, incentivar e olhar para os que mais sofrem e precisam. Sou contra SE PERPETUAR essa ajuda e principalmente em troca de votos. Podemos dar o peixe, mas também temos que ensinar a pescá-lo, e quando ele aprender, essa ajuda tem que cessar. O que eu vejo é que existem milhões de pessoas que são beneficiadas pelas bolsas e auxílios bancados pelos nossos altíssimos impostos e que simplesmente essas pessoas não querem trabalhar, como também quem os paga (a senhora Dilma) também não tem nenhum interesse que eles aprendam a pescar. Só não podem é deixar de votar (no candidato do partido dela, claro)

      Excluir
    2. geová disse: concordo com essa pessoa.

      Excluir
    3. Ao anônimo de 28/10/2014 das 00:31 - Colocar estas pessoas, que você classifica como "ociosas", no mercado de trabalho requer duas premissas: PREPARO e OPORTUNIDADES. Parece-me um discurso hipócrita, pois fecha os olhos para a condição humana destas pessoas beneficiadas por algum tipo de programa social do governo. E por que? Porque estas mesmas pessoas, antigamente, mal tinham o que comer direito. E para ser beneficiado pelo PBF (Programa Bolsa Família) deve haver um preenchimento de requisitos estipulados pelo Governo Federal. Uma destes requisitos é ter filho matriculado na escola. São inúmeros os casos de pessoas que ascenderam socialmente devido ao PBF. Quais são os altos impostos que são descontados do seu salário de policial militar??? Pelo que sei, no meu só tem o IR (Imposto de Renda). Creio que no seu também seja da mesma forma. Se você fosse pelo menos um empreendedor, eu até compreenderia certos questionamentos. Estude primeiro sobre o PBF e depois comente de forma técnica e objetiva. Até os EUA tem um forte programa assistencial (parecido com o nosso Bolsa Família); chama-se Stamps Food. Enfim, não se pode colocar em descrédito um programa que erradicou a mortalidade infantil de nosso país, minorou a miséria e promoveu a maior ascensão social conhecida na História do Brasil. Entretanto, concordo que somente com uma política de valorização educacional é que poderemos ter cidadãos brasileiros aptos a concorrer, em igualdades de condições, as vagas destinadas às ocupações laborais mais qualificadas. Votei Dilma, porque votei pensando na continuação de políticas sociais voltadas à inclusão social.

      Policial consciente.

      Excluir
  13. Não sei se o que pensa alguém que não é da polícia faça alguma diferença. Sou professora, não votei no candidato a governador que venceu e sou esposa de pm. Apesar do desespero que assola o DF, vejo uma luz no fim do túnel. Penso que nenhum governador será capaz de fechar os olhos e fingir que a PM não existe. Vocês mostraram o poder de mobilização que têm. Agnelo não os ouviu, nem os respeitou, assim como fez com as demais prioridades no Distrito Federal, principalmente no que diz respeito à saúde e educação. Resultado da sua virada de costas ao trabalhador: perdeu feio nas urnas! Quem não quer der reeleito amigos???

    ResponderExcluir
  14. Não gostei do resultado da eleição para presidente. Mas ficar dizendo que a culpa é do povo do nordeste é pura sacanagem, basta ver que o divisor de águas foi exatamente o Estado de Minas Gerais e Rio de Janeiro. Então senhores vamos parar de criticar o povo nordestino porque se fosse assim ninguém no Sudeste teria votado em Dilma, ou seja, ela não teria voto algum. Porém, acho que será quatro anos de arrocho, principalmente na economia. E que o PSDB nesses quatro anos faça uma oposição inteligente já visando as próximas eleições

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. SE O SENADOR AECIO PERDEU EM MINAS E PORQUE ELE NAO FOI BOM, AGNELO NAO FOI REELEITO NO DF, PORQUE NAO FOI BOM! MAU ADMINISTRADOR , AGORA PAREM DE FICAR ARRUMANDO DESCULPA DIZENDO QUE O POVO DO NORDESTE NAO SABE VOTAR.

      Excluir
  15. É senhores, aconselho aos que tiverem tempo para irem para a Reserva Remunerada prepararem os seus devidos requerimentos e fiquem a postos. Assim que iniciar o governo, se não sair algo de bom pra nós (coisa que infelizmente não acredito) e pelo contrário, vier somente ARROCHO (coisa que infelizmente eu acredito), apresentem seus requerimentos e VAZEM, pois o futuro está mais pra chuvas e trovoadas do que pra céu de brigadeiro. Sinceramente, espero estar errado em minha avaliações, mas se depender do cara que foi eleito aqui no DF e, principalmente, da senhora que foi reeleita no Brasil, pra PM vai ser só PAU na MOLEIRA.
    ST 1996

    ResponderExcluir
  16. Apesar das notícias não estarem sendo boas pra nós, existe uma que pelo menos pode alegrar a galera, principalmente para maioria dos colegas que ralaram e comeram magro com esse DESgoverno que foi retirado do poder. Alô PATRICETES, a casa caiu. Ano que vem os nossos queridos quarteis estarão esperando por vocês de braços abertos. Vão providenciando a graxa para o coturno, o goma pox para a farda e o sebo pras canelas, porque os senhores irão voltar fazer uma coisa que há muito não faziam mais: PUXAR MUITO P.O. E quando tiver manifestação na Esplanada dos Ministérios os senhores serão escalados para apoiar o 6º BPM, devendo chegar ao local as 06h00 e sem previsão de término, e tudo isso 0800 certo? Estamos esperando ansiosos por vocês.

    ResponderExcluir
  17. Pense num puliça sem perspectiva de melhoras com este futuro governo, assim estou eu.Tomara que eu esteja errado,sei não viu...Vida que segue...Desmotivado e sem esperança de qualquer natureza.

    ResponderExcluir
  18. Não adianta chorar agora o leite derramado. Fizemos besteiras quando não elegemos um representante à altura em detrimento aos oportunistas contumaz.contumaz. Deixamos passar a vez. Caímos no conto do vigário de novo.Poderíamos estar agora com um representante que tinha condições de ser oposição e brigar pela classe, no entanto escolhemos os Patos, Jabares, Claytons, Eliomares, Hermetos e Jânios da vida. Serão quatro anos de penúria e sofrimento e não tenham dúvidas que o nome que hoje deveria estar em evidência será chamado: Poliglota, o único que poderia ter mudado o curso dessa história. Que venha 2018 e com ele para federal!
    Olho Vivo

    ResponderExcluir
  19. Governador, eleito, Rodrigo Rollemberg.
    AI 5, Estado de Exceção, Código Penal Militar e Regulamento Disciplinar do Exército são coisas análogas! Pois permeiam a nossa realidade desde a década de 60.
    Com a chegada da ditadura militar por meio do retromencionado ato institucional, o ESTADO precisava de meios e ferramentas de contenção da sociedade civil e adestramento fácil das forças militares federais e os braços armados estaduais por meio das polícias militares e corpos de bombeiros militares.
    E assim sendo, como não poderia ser diferente, cria-se algumas ferramentas abaixo descritas:
    1- O ato institucional 5 propriamente dito. Que decreta o regime militar em todo o território nacional;
    2- O fechamento do Congresso Nacional;
    3- A criação da Lei da Imprensa. Que trazia cortes e censuras para quem publicasse notícias que fossem de encontro ao regime imposto;
    4- O Estado de Exceção para a sociedade civil. Retirando direitos básicos dos cidadãos brasileiros assegurados a todos pela Constituição Federal outorgada na década de 40;
    5- O Código Penal Militar e Regulamento Disciplinar do Exército como ferramenta de controle da maioria em detrimento de uma ínfima minoria. Pois quem estava no topo, jamais criaria um "monstro" para que fossem devorados por ele.
    Pois bem, nobre governador eleito! O tempo passou, o Congresso Nacional foi reaberto, o regime militar perdurou em nossa nação até o governo do General Figueiredo, o Estado de Exceção teve o seu fim, tivemos a campanha que mobilizou o Brasil pelas "Diretas Já", voltamos a ter um governo democrático, em 1988 foi convocada uma nova "Assembléia Nacional Constituinte"...
    Com promulgação da Constituição Federal de 1988, nobre governador eleito, houve a criação de um certo artigo, denominado de 5º, que garante e reafirma o que consta na Declaração Universal dos Direitos Humanos, que dentre outras coisas, garante-nos direitos natos e inerentes à raça humana.
    Somente a título de informação, nobre governador eleito, a nossa suprema corte em data não lembrada por minha pessoa nesse momento, de forma curiosa revoga a lei da imprensa e devolve o direito aos nossos veículos de comunicação de massa a publicarem e divulgarem tudo o que, por ventura, chegue as mãos de nossos repórteres! E o mesmo tribunal, reluta em não reconhecer nossos direitos básicos, deixando-nos sob o controle de regimes e regulamentos editados em 1968 e 1969.
    O Brasil aspira uma cadeira no Conselho Permanente de Segurança da ONU e uma das exigências da retrocitada organização é que em nosso país não se tenha polícias e bombeiros militarizados e curiosamente ninguém, no âmbito do executivo e legislativo federais conseguem promover tal coisa para que tenhamos nossa cadeira assegurada na organização e conselho acima mencionados.
    Vivemos, como os políticos fazem questão de frisar, em um "ESTADO DEMOCRÁTICO DE DIREITO" e praticamente todos os bombeiros militares e policiais militares vivem á margem dessa democracia!
    Bombeiros militares e policiais militares devem ser tratados como agentes de segurança pública estadual! Pois, nem de longe, vivemos a realidade desempenhada pelas foças armadas.
    Assistindo à vossa propaganda eleitoral, nobre governador eleito, causou-me surpresa ao ver e ouvir em uma de vossas falas, inerentes às nossas categorias! Pois vossa pessoa afirmava de forma incisiva, concisa e direta que o que faltava-nos era "PULSO FORTE E COMANDO".
    Os princípios básicos que norteiam o caráter e a personalidade de um líder servidor não são o emprego do que vossa pessoa afirmara no horário político eleitoral. Não mais precisamos de chefes e governadores como comandantes natos de nossas categorias e sim um governador dotado de extremo conhecimento e sensibilidade perante aos nossos anseios e causas.

    Parte 1

    ResponderExcluir
  20. Pois só assim, teremos nossas categorias enxergadas como ferramentas essenciais para o bom desempenho e êxito de qualquer projeto relacionado à segurança pública de nossa capital.
    Espero que vosso governo, que começará em 1º de janeiro de 2015, seja voltado para grandes realizações e que a grande problemática criada pelo atual governo em torno das nossas forças militares seja, de fato, sanada. De forma a beneficiar a todos, promovendo o reconhecimento profissional que tanto almejamos por pelo menos 20 anos e que vossa pessoa, nobre governador eleito, acompanhara de perto como legislador e representante do Distrito Federal no Congresso Nacional.
    Desejo-lhe sorte em sua nova jornada! Pois parafraseando Sara Westphal, encerro minha mensagem afirmando o seguinte:
    "... preferir a derrota prévia, à dúvida da vitória, é desperdiçar a oportunidade de merecer..."
    Fonte: FacebookPois só assim, teremos nossas categorias enxergadas como ferramentas essenciais para o bom desempenho e êxito de qualquer projeto relacionado à segurança pública de nossa capital.
    Espero que vosso governo, que começará em 1º de janeiro de 2015, seja voltado para grandes realizações e que a grande problemática criada pelo atual governo em torno das nossas forças militares seja, de fato, sanada. De forma a beneficiar a todos, promovendo o reconhecimento profissional que tanto almejamos por pelo menos 20 anos e que vossa pessoa, nobre governador eleito, acompanhara de perto como legislador e representante do Distrito Federal no Congresso Nacional.
    Desejo-lhe sorte em sua nova jornada! Pois parafraseando Sara Westphal, encerro minha mensagem afirmando o seguinte:
    "... preferir a derrota prévia, à dúvida da vitória, é desperdiçar a oportunidade de merecer..."
    Fonte: Facebook

    Parte 2

    ResponderExcluir
  21. Tenho lido postagens absurdas pregando a separação do norte e do nordeste do resto do país! Acho que não é por aí! Temos que aceitar que existem pessoas que enxergam a mesma situação de uma maneira diferente da nossa! Isso também é da democracia!!!

    Diferentemente do futebol, na política não vencedor ou perdedor. Ambos saíram vencedores, todavia apenas um deles é quem governará para todos!

    Não dá pra dizer que uma pessoa que recebe 50 milhões de votos perdeu o jogo. Nasce uma nova liderança que será respeitada no congresso nacional, a qual representa o sentimento de mudança.

    Nenhum governante é estúpido para ignorar isto! Dilma terá muito trabalho pela frente, terá que acenar mais para a outra metade do país que ela mesma ajudou a dividir, sob pena de ter sua governabilidade severamente afetada.

    Enfim, saibamos reconhecer e, acima de tudo, respeitar a vontade soberana da maioria, que escolheu o caminho que nós consideramos ser equivocado, mas que, ainda assim, a despeito das denúncias da gestão Dilma e da situação do país em si, merece a mesma consideração que gostaríamos de receber em relação à nossa caso Aécio tivesse sido eleito.
    Forte abraço a todos!

    ResponderExcluir
  22. Amigo dss 19:28,no goveno do agnelo foi ruim,com a nossa ajudinha tbém,mesmo não parando de trabalhar,em termos feito manifestações,jogamos na midia duas palavras;operação tartaruga,já quebrou o cara......então o futuro governador pode até aperta o parafuso,desde que nös de uma melhoria em termo de salarios,ou gratificações,ta tudo cert! Coitado do joaquim barbosa,se esforçou pra ter uma nação digna,ganhou o quê?a própria nação voto na corrupção.

    ResponderExcluir
  23. Eduardo Castro 28.10.2014 às 01:54

    Meu nome é Eduardo Castro, professor de matemática e voluntário nas eleições desde 2012 onde sou mesário ocupando o cargo de presidente de mesa na zona 42, seção 92 na cidade de Sapezal no Mato Grosso. Gostaria de expor para vocês minha opinião referente ao sistema de urnas eletrônicas, pois através de minha experiência nesta eleição do dia 26/10/2014, percebi uma grande possibilidade de fraude. Como em minha cidade existe uma grande rotatividade de pessoas, muitas dessas deixam de votar, para vocês terem uma ideia, dos 391 eleitores habilitados pela urna, não me recordo muito bem, mas somente uns 250 eleitores se apresentaram para votar, ficando aproximadamente uns 140 eleitores sem votar. Diante da situação cheguei a conclusão de como é fácil estar votando no lugar destas pessoas ausentes, pois: 1º Todos os companheiros mesários de minha seção tínhamos a mesma opção de voto; 2º Em minha seção não havia nenhum fiscal de partido para vistoriar os votos; 3° Fiquei quase uma hora sozinho quando os outros mesários saíram para almoçar; 4° Não houve vistoria ou questionamento de ninguém por parte do cartório eleitoral no momento em que estive sozinho; 5° O encerramento de urna não foi acompanhado por ninguém do cartório eleitoral e nem por nenhum fiscal de partido, portanto seria o melhor momento para estar votando pelas pessoas que não compareceram, realizando a fraude, assim como o horário para votar já estaria terminado ninguém iria reclamar que alguém votou no seu lugar. É claro que eu e os meus companheiros de trabalho realizamos todo o processo corretamente, sem fraudes, pois eu não estaria eu aqui expondo a respeito de como fraudar uma urna eletrônica e até falando minha seção e zona. Mas cheguei à conclusão que o sistema de urna eletrônica é um sistema falho. Lembrando lugares de difícil acesso, onde a opção por certo candidato é maioria, onde tiver algum mesário disposto a realizar a fraude, onde pode envolver dinheiro por parte de membros de partidos para influenciar os mesários etc... Agora pensam vocês comigo, se tal fraude fosse realizada, iria existir apenas um confronto que seria o de justificativa e voto, pois como uma pessoa vota em uma cidade e justifica em outra, e no caso nas pessoas que não compareceram para votar e nem justificaram, no sistema iria constar que elas votaram. E quando fosse notado a duplicidade com a justificativa e voto, determinado candidato pode ter tomado posse, passado 4 anos, e terminado o seu mandato e ninguém talvez iria reparar. E se reparar até achar, provar, julgar os culpados já se foram mais dois mandatos com certeza.
    Fonte: https://www.brasil247.com/pt/247/brasil/158170/Advogada-denuncia-poss%C3%ADvel-fraude-nas-urnas-eletr%C3%B4nicas.htm

    ResponderExcluir
  24. - Os policiais e bombeiros militares demonstraram sua CAPACIDADE de mobilização e poder de voto quando tiraram do segundo turno o Partido dos Trabalhadores.
    - Os Policiais e bombeiros militares demonstraram sua CAPACIDADE de mobilização e poder de voto quando tiraram os distritais AIlton Gomes e Patrício da CLDF.
    -Os Policiais e bombeiros militares demonstraram sua INCONPETENCIA de mobilização de poder e voto quando NÃO conseguiram eleger representantes de suas categorias.
    - Os Policiais militares demonstrarão sua CAPACIDADE de mobilização ao futuro Governo eleito se este não apresentar a melhorias a categoria.
    - Os Policiais e bombeiros militares precisam ser tratados com respeito, profissionalismo e dignidade.
    - O AGNULU dizia por aí que tinha bastante amor e carinho pelos policias militares, más isso não paga minhas contas e a resposta foi dada nas urnas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então na sua opinião os policiais e bombeiros tem capacidade de destruição, mas não tem capacidade de união para com a instituição, a ponto de não ter unidade suficiente para unir as forças policiais?
      União de destruição, será que vale apena?

      Excluir

1 – Para comentar no Blog do Poliglota você poderá informar, além do seu nome completo, um apelido que poderá usar para escrever comentários.

2 – Serão eliminados do Blog tenpoliglota2012 os comentários que:
A - Configurem qualquer tipo de crime de acordo com as leis do país;
B - Contenham insultos, agressões, ofensas e baixarias;
C - Reúnam informações (e-mail, endereço, telefone e outras) de natureza nitidamente pessoais do próprio ou de terceiros;
D - Contenham qualquer tipo de material publicitário ou de merchandising, pessoal ou em benefício de terceiros.
E – Configurem qualquer tipo de cyberbulling.

3 – A publicação de comentários será permanentemente bloqueada aos usuários que:
A - Insistirem no envio de comentários com insultos, agressões, ofensas e baixarias;

Avisos:

1 – No Blog tenpoliglota2012, respeitadas as regras, é livre o debate dos assuntos aqui postados. Pede-se, apenas, que o espaço dos comentários não sirva para bate-papo sobre assuntos de caráter pessoal ou estranhos ao blog;

2 – Ao postarem suas mensagens, os comentaristas autorizam o titular do blog a reproduzi-los em qualquer outro meio de comunicação, dando os créditos devidos ao autor, com os devidos ajustes;

3 – A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica.

Os comentários estão liberados, no entanto àqueles que afetarem diretamente a honra e a imagem de quaisquer pessoa, física ou jurídica, àqueles que atentarem contra o decoro da classe, a honra e o pundonor militar serão MODERADOS.
tenpoliglota2012@gmail.com