quarta-feira, 20 de agosto de 2014

Celina Leão defende Praças da PM de reestruturação feita por Oficiais



A deputada Celina Leão (PDT) usou o comunicado de líderes da sessão ordinária desta terça-feira (19) para criticar a proposta de reestruturação, da Polícia Militar do Distrito Federal, elaborada pelos oficiais da corporação.

Segundo a parlamentar um dos pontos negativos da minuta do projeto, prevê a tese do conceito moral para promoções, ou seja, só sobe de patente com a avaliação do superior e não por mérito. “É a volta do velho apadrinhamento, um retrocesso”, considera a deputada.
Celina observa que o projeto traz vícios de inconstitucionalidade, quando atribui à Polícia Militar atribuições que são da Polícia Civil. A deputada, ainda chama a atenção para outro trecho da proposta, que ela classifica como absurdo.

“Os coronéis da PM querem tratamento protocolar de carreira jurídica de Estado, para serem chamados de Vossa Excelência e nominar quem dirige as viaturas de patrulheiro. Isso é um absurdo! Esta Casa tem que se posicionar, temos que cumprir com o nosso papel de representação, por que somos cobrados. Os policiais esperam um bom projeto e não esse, que volta ao coronelismo, aos feitores, às mãos de ferro, um projeto que privilegia os Oficiais e esmaga os Praças, isso não podemos admitir”, garante Celina Leão.


Por Celina Leão – Deputada Distrital

40 comentários:

  1. Disse tudo deputada. CORONELISMO. Quem esses caras acham que são?De capitão pra baixo tá tudo na vala comum.E ainda por cima criam um tal "Time do Bem"? Bem de quê? Bem ladrão?Bem quadrilha?Bem destruidores?Deveriam é pegar o beco e sumir de nossa cidade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. QUER MUDAR ISSO OU PELO MENOS EXPOR SUA OPINIÃO SOBRE O SISTEMA ATUAL??
      ENTÃO PARTICIPE DESSA PESQUISA (A BAIXO), QUE QUEM SABE ALGUÉM VAI TE ESCUTAR??
      OUTRA COISA, A ÚLTIMA PESQUISA QUE FIZERAM POR MEIO DA SENASP, TEVE AMPLA DIVULGAÇÃO (DO SEU RESULTADO) EM DIVERSOS TIPOS DE MÍDIAS, PORTANTO.. É "SIM" UM PRIMEIRO PASSO PARA FORÇAR UMA EVOLUÇÃO!!



      Prezado(a) Sr(a) "POLICIAL QUE EXISTE"

      Entramos em contato para lembrá-lo de participar da pesquisa financiada pela SENASP acerca de alguns aspectos relacionados à qualidade de vida e valorização dos profissionais de segurança pública.

      Para responder ao questionário, acesse o link: ( MANDE UM E-MAIL PARA pesquisa.senasp.pnud@gmail.com )

      Caso já tenha respondido esse questionário, desconsidere essa mensagem.

      Em caso de dúvidas ou dificuldades para acessar o questionário, entre em contato conosco pelo email: pesquisa.senasp.pnud@gmail.com

      Cordialmente,
      Equipe SENASP.


      PS: VAMOS PARTICIPAR!!

      NOVINHUUU

      Excluir
  2. Parabens Deputada CELINA LEÃO por ser nossa voz na CLDF e defender a categoria dos PRAÇAS da pmdf, enquanto isso o deputado Patrício que foi eleito pelos PRAÇAS fica comendo moscas, vai comendo moscas até se empanturrar.

    ResponderExcluir
  3. Este atual governo do PT foi o pior da historia para PMDF
    1- Implantou ditadura nos quarteis.
    2- Mandou prender praças
    3- Não cumpriu nenhuma das treze promessas
    4- Nunca ouviu a foz dos praças
    5- Pagou a mídia local para desmoralizar nossa instituição
    6- Dividiu a corporação em Gratificados, Oficiais. Praças e Praças Especiais
    7- Mandou através de Secretários de Governo pai de família pedir baixa
    8- Cuspiu no prato que comeu traiu nossa instituição cortou os lanços HISTÓRICO da nossa corporação com o PT.

    ResponderExcluir
  4. Esse plano de carreira feito pelos oficiais QOPM é pior que o RDE!!!!!

    Esses caras só pensam no próprio umbigo!!! Status da Magistratura e promotor sem ter nem passado para um concurso difícil.

    QUEREMOS QUE SEJA UMA CARREIRA COM STATUS TECNICO-CIENTÍFICO... Mas as praças (patrulheiros) vão ficar na merda!!!!

    Sem falar na promoção a cada 04 anos que não leva em consideração o tempo dos antigos!!!
    Para as praças promoção a cada 04 anos e pros oficiais mais vagas!!! NÃO FODE!!!

    TEMOS QUE FAZER UMA OPERAÇÃO TARTARUGA CONTRA OS OFICIAIS QOPM (MARAJÁS DA SEGURANÇA PÚBLICA QUE NÃO FAZEM NADA) E CONTRA ESSE PLANO DE CARREIRA!!!!

    E ainda o cara falou lá no centro de convenções "se Deus quiser será aprovado"....

    PODE TER CERTEZA QUE NÃO VAI SER!!!! E PARA DE USAR O NOME DE DEUS EM VÃO!!!!

    ResponderExcluir
  5. A PM é mesmo um paraíso, deve estar cheia de Ex-delegados e ex-agentes na PM. Aliás a PM é tão ótima que nunca vi delegado de policia civil querer ser oficial ou agente de policia querer ser soldado. Mas o inverso já vi e muito! Reflita, quantos PMs voce conhece que deixaram as fileiras ou tentam deixar para serem PRF, PF e PC ( todas de carreiras civis)?

    AQUI NÃO TEM UM PLANO DE CARREIRA DECENTE E AINDA TEM QUE AGUENTAR ESSE SISTEMA SAFADO (MILITARISMO) e agora o CORONELISMO!!!

    ResponderExcluir
  6. Graças a sanha de poder e “status” dos oficiais QOPM, os demais, digo os subordinados, por mais que busquem crescer, busquem merecimento, busquem qualificação, por mais que se dediquem, que se esforcem, nunca deixaram de ser para o Estado e para a sociedade de meros motoristas, porteiros e servos úteis.

    AGORA AS PRAÇAS SERÃO CHAMADAS DE PATRULHEIROS (DO P.O), ENQUANTO ISSO OS OFICIALOIDES QUEREM SER CHAMADOS DE VOSSAS EXCELÊNCIA!!!

    Para com essa historinha de que “eu estudei”, “eu mereci”, “eu sou o que sou”, sem trazer nenhum resultado para a sociedade, pois vocês não trabalham e não fazem falta. A sociedade,exige uma policia eficiente, voltada inteiramente ao combate ao crime e a violência, com respeito aos direitos e a valorização do ser humano, uma policia que o senhor como chefe, teve a oportunidade de oferecer e não o fez, pois está mais preocupado em “ser o que é”, em estudar para si mesmo e em desfrutar do seus “status’. Na verdade apresentaram um plano porco que impede a progressão das praças na PM!

    Em breve não seremos mais vitimas de vocês. A PM está mudando, pois agora estão entrando muitos soldados da classe média com instrução superior. A instituição oferece um serviço de péssima qualidade e a culpa é da gerência! A sociedade está exigindo uma nova polícia e a culpa é dos QOPM! A instituição que o Senhor herdou, não deixará como legado as gerações vindouras! Essa nova policia, se não perfeita, não terá com certeza o rança das castas que o senhor tanto preza, será espero profissional!

    FIM DO MILITARISMO E DA ALIENAÇÃO MILITAR QUE DE NADA SERVE PARA A SEGURANÇA PÚBLICA!

    ResponderExcluir
  7. PESSOAL PASSOU DA HORA DE FAZERMOS ALGO!!!!
    NÃO VAMOS ACEITAR ESSE PLANO DE OFICIAL!!!!
    A VOTAÇÃO NO CLUBE DOS OFICIAIS FOI A GOTA D'AGUA!!!!

    TEMOS QUE NOS REUNIR E DECIDIR A NOSSA CARREIRA!!!!
    QUAL O DIA MELHOR?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. DIA 05 DE OUTUBRO TODOS NÓS REFERENDANDO O POLIGLOTA COMO NOSSO DEFENSOR NA CLDF, JÁ QUE LÁ NÃO TEMOS NENHUM. ENTÃO, CHEGA DE FICAR SÓ RECLAMANDO E CRITICANDO E VAMOS FAZER ALGO QUE REALMENTE VALHA A PENA. VAMOS DAR UM VOTO DE CONFIANÇA A ESSE HOMEM QUE JUNTO COM OUTROS DO NMU NÃO ARREDOU O PÉ EM LUTAR POR NÓS. PORTANTO, VAMOS DIFUNDIR A CAMPANHA DO POLIGLOTA, QUE É A OLHOS VISTOS HUMILDE E SEM GRANA PARA GASTAR. MAS, QUEM PUDER CONTRIBUIR COM QUALQUER TANTO O NÚMERO DA CONTA ELEITORAL SE ENCONTRA A DIREITA DO BLOG. NÃO SE PREOCUPEM, POIS A DOAÇÃO PARA CAMPANHA É LÍCITO E LEGÍTIMO, RECONHECIDO EM LEI. QUEM CONCORDA DIFUNDA ESSA IDEIA.
      PARA DEPUTADO DISTRITAL POLIGLOTA 25190

      POR PRAÇA ATENTA

      Excluir
  8. Cresce o debate sobre desmilitarização da PM
    (TEXTO DA REVISTA CARTA CAPITAL DIA 06 DE AGOSTO)

    Segundo pesquisa, mais de 70% dos policiais apoiam a desvinculação da Polícia Militar do Exército. A maior da população quer proteção a direitos humanos

    por Deutsche Welle — publicado 06/08/2014 04:39, última modificação 06/08/2014 04:42

    A repressão aos manifestantes nos protestos iniciados em junho do ano passado no Brasil e o elevado grau de incidentes violentos envolvendo a Polícia Militar fortaleceram as discussões sobre o fim do vínculo da corporação com as Forças Armadas.

    A eliminação do caráter militar das polícias é defendida por especialistas como forma de tornar as corporações mais próximas da sociedade e dar a elas uma formação mais voltada para a proteção da cidadania. A proposta, que tramita no Congresso em ao menos três projetos de emenda constitucional, estabelece a redução de hierarquias e a interligação de carreiras.

    A proposta mais adiantada e polêmica é a PEC 51/2013, de autoria do senador Lindbergh Farias (PT-RJ). O projeto prevê que todos os órgãos policiais sejam organizados em carreira única, e que os estados tenham autonomia para estruturar os próprios órgãos de segurança pública. A nova polícia faria tanto o trabalho ostensivo como a investigação, funções hoje atribuídas, respectivamente, às polícias militar e civil.

    Para seus críticos, a Polícia Militar tem um erro fundamental: ao se orientar pela ideia de que um inimigo precisa ser eliminado, ela esquece que deve garantir os direitos de todos os cidadãos. "O policiamento deveria ser uma missão civil", argumenta o jurista Oscar Vilhena, da Fundação Getúlio Vargas. "Mas a função atribuída à polícia hoje é a preservação do 'Estado e da ordem', em detrimento dos direitos dos cidadãos."

    Policiais a favor

    Uma pesquisa feita pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública, em parceria com a Fundação Getúlio Vargas (FGV) e o Ministério da Justiça, mostra que 73,7% dos policiais apoiam a desmilitarização. Entre os policiais militares, o índice sobe para 76,1%. O levantamento ouviu 21.101 policiais militares, civis, federais, rodoviários federais, bombeiros e peritos criminais de todo o país entre os dias 30 de junho e 18 de julho.

    Segundo Renato Sérgio de Lima, pesquisador da FGV e membro do fórum, a maioria dos entrevistados apontou a transição para o caráter civil e a integração das polícias em uma carreira única como caminhos para a modernização das corporações. "Eles identificam um limite no modelo atual. Os policiais apoiam o fim da Justiça Militar e a desvinculação do Exército para que o foco seja a proteção da sociedade, e não os interesses do Estado", afirma. "Isso não significa ausência de disciplina, hierarquia, uniformes e controle, elementos necessários em uma organização policial", ressalta.

    O debate também passa pela revisão de regulamentos e procedimentos disciplinares, garantia à livre associação sindical, direito de greve e a submissão de processos criminais envolvendo policiais à Justiça comum.

    ResponderExcluir
  9. Divergências

    Apesar de haver apoio à desmilitarização, o estudo aponta que não há um consenso sobre como o modelo deveria ser implementado. A integração de duas polícias que hoje desempenham funções diferentes é o principal motivo de questionamento.

    "Respeito quem é a favor da ideia, mas me pergunto: eu vou compor o que é hoje a Polícia Civil? Minhas garantias de salário e carreira serão mantidas? Sou soldado e vou virar agente? Vou fazer ciclo completo de polícia? Não é uma questão tão simples", questiona o comandante da Polícia Militar do Rio Grande do Norte, Francisco Canindé de Araújo Silva, há 30 anos na corporação.

    SEMPRE UM OFICIAL FANFARRÃO QUE NÃO TRABALHA COM MEDO DE PERDER O PODER!!!

    Para a secretária nacional de Segurança Pública, Regina Miki, será difícil encontrar um consenso. Ela ressalta que a forma como a desmilitarização é entendida por policiais pode ser diferente do que a sociedade espera da medida.

    "Os policiais de base e a cúpula certamente enxergam de forma distinta a desmilitarização, e por diversas razões. Certamente até mesmo nas corporações não há consenso", afirmou durante o 8º Encontro do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, realizado na última semana em São Paulo.

    O coronel e jurista Sérgio Roberto de Abreu é cético em relação à criação de um pacto pela reforma das polícias. Ele argumenta que as corporações que tiveram o caráter militar acentuado durante a ditadura ainda estão vivenciando o processo de redemocratização. E a passos lentos.

    "É fundamental que haja uma reforma política antes da realização de reformas institucionais", afirma. "É uma caminhada vagarosa e que encontra muros de resistência. As próprias instituições policiais não conseguiram se conformar e compreender o que é ser uma polícia democrática."

    Formação

    A reforma institucional passa por mudanças profundas no projeto educacional das corporações. Uma formação civil baseada em hierarquia e disciplina e voltada ao policiamento urbano é uma alternativa experimentada com sucesso em outros países.

    O Exército Nacional costarriquenho, por exemplo, foi abolido em 1948. A Costa Rica não dispõe de armamentos pesados. As unidades regionais de polícia possuem programas de prevenção de delitos, que contam com a participação da população. Hoje, o país tem a menor taxa de homicídios da América Central (10 para 100 mil habitantes), abaixo da média de toda a América (15,4).

    A Costa Rica tem menos habitantes que o estado de Santa Catarina. Pode servir como exemplo, mas não como o parâmetro para o Brasil. Mesmo assim, a busca de um modelo ideal ainda parece distante para os brasileiros.

    A pesquisa do Fórum Brasileiro de Segurança Pública mostra que, para 87,3% dos entrevistados, o trabalho policial precisa ser reorientado para a proteção dos direitos humanos e da cidadania. De acordo com eles, a corrupção é uma das maiores dificuldades a serem vencidas.

    Para isso, o sociólogo Ignacio Cano, da Uerj, diz que é necessário acabar urgentemente com o que chama de regulamentos "extremamente autoritários que regem as forças policiais no Brasil". "As instituições de ensino policiais precisam ser integradas", defende.

    O professor José Vicente Tavares dos Santos, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, visitou escolas policiais de 12 países e, com base na pesquisa, concluiu que o "ofício de polícia ainda não existe no Brasil".

    "Existe uma tensão entre o treinamento policial – que alguns até chamam de adestramento – e a educação. O conceito de dignidade humana precisa ser central, e ainda não é. O foco deve ser a prevenção da criminalidade", afirma.

    Ele elaborou uma lista com 20 reformas necessárias para a formação policial no Brasil. Entre elas está a criação de uma Escola Nacional de Segurança Cidadã e o fomento de parcerias entre academias e escolas de polícia com universidades.

    http://www.cartacapital.com.br/sociedade/excessos-cometidos-por-pms-impulsionam-debate-sobre-desmilitarizacao-da-policia-1256.html

    ResponderExcluir
  10. OLHA ESSE TEXTO:

    Em nossa pesquisa, Visitamos cerca vinte escolas e academias de polícia, civil e militar, no Brasil. Existem, pelo menos, 24 Academias e 24 Centros de Formação, Aperfeiçoamento e Especialização, das Polícias Militares, em 17 Unidades da Federação, das quais apenas 10 ofereceram curso de especialização, em 2005 (iv ), Chegamos à conclusão de que há transformações nesse processo, embora, em sua grande maioria, as escolas de academia de polícia no Brasil façam tudo, menos talvez formarem policiais orientados para a cultura da paz.

    Também estão ausentes no processo de ensino-aprendizado o estudo e a reflexão sobre as experiências virtuosas de trabalho policial. Sabemos que 70% das ocorrências que uma polícia ostensiva atende no mundo inteiro são conflitos ainda não criminais. Porém, dependendo do modo pelo qual esse agente policial intervém, o conflito pode derivar para um delito. Verificamos a ausência ou pouquíssimas horas dedicadas à mediação de conflito.

    Por outro lado, parece que a Sociologia da violência, desde meados da década passada, entrou nos currículos, mas, ainda há muito pouco sobre psicologia da segurança pública, sobre a saúde mental dos profissionais.

    Do ponto de vista pedagógico, há um arcaísmo: enorme volume de créditos, aulas somente presenciais, falta de bibliotecas, ausência de um corpo docente permanente, inclusão de professores civis, procedimentos de avaliação baseados no memorialismo, relações não dialógicas entre professores e alunos.

    LEMBRA O CFAP, ONDE OS ASPIRAS ENSINAVAM (NADA) O QUE APRENDERAM NA ACADEMIA.

    Darei outro exemplo, de uma curiosa rotina: os alunos e as alunas acordam às seis da manhã, tem 15 minutos para se prepararem, e, pelo menos em uma das academias observadas, a cada dia mudava a forma do lençol em cima da cama - uma lua, no outro dia uma estrela, um losango, um poliedro. Se algum aluno errasse a forma do lençol naquele dia, poderia sofrer alguma punição. Isso começa às seis da manhã e vai até às dez da noite: os alunos vivem um tempo incessante e acelerado, sem momentos para exercerem reflexividade.

    O que tem isso a ver com o ofício de polícia? Nos casos das polícias militares, há uma enorme quantidade de horas-aulas, com atividades de paradas, marchas, combate à guerrilha, pouco a ver com o que a sociedade espera desse profissional. Um caso que é grave é a inexistência, salvo exceção, do corpo permanente de professores: ou são externos, ou são policiais aposentados. Novamente, é a cultura do passado que vem ensinar para o futuro.

    Em algumas pesquisas que fizemos em seis Estados brasileiros com dirigentes das polícias, percebeu-se essa inquietação, uma insatisfação; porque, afinal, a Constituição de 88 não tocou nas questões das polícias a não ser a manutenção do passado, até por pressão dos comandantes das polícias militares. O ciclo de greve das polícias foi inédito neste país, nos meses de julho a agosto de 1997, 1999, 2001, 2002, 2004 e na Polícia Federal: expressou um conflito social que teve como efeito de mostrar a necessidade de se construir uma profissão de polícia.

    Houve várias tentativas corporativas de equiparação de carreiras das polícias civis e militares com o judiciário, ou no caso daquela lei que veio depois das greves, definindo as polícias militares como militares estaduais. Por trás dessas iniciativas, há uma efervescência no sentido de que pessoas dessas corporações quererem construir um ofício de polícia.

    OBS: MAS TEMOS OS OFICIAIS PARA LEGISLAREM CONTRA AS PRAÇAS!!!!

    ResponderExcluir
  11. Por que as leis da civil sobre aumento e reestruturação da PCDF tem 02 páginas e da PM tem 144?
    Porque não temos uma lei cidadã aos moldes da Lei 8.112?

    PORQUE TEMOS QUE ACEITAR ESSE PLANO DE CARREIRA LIXO?!!!!
    VAMOS DAR UM BASTA A ESTA SITUAÇÃO!!! NÃO VAMOS ACEITAR!!!!

    ResponderExcluir
  12. Concordo! NÃO AO PLANO IMORAL DOS OFICIAIS QOPM!

    ResponderExcluir
  13. Queremos salário digno e um plano de carreira justo e não essa maquiagem de 144 páginas que não vai trazer nada de bom para as praças (ascensão na carreira).

    A base desse sistema está ruindo! Não somos as praças de antigamente!!!

    já se perguntaram se a tropa achou bom?
    O que eu vejo em todos os lados é a revolta contra essa proposta!!!
    Os novinhos vão vazar geral da PM, pois ficar 08 anos pra virar sargento é muito tempo!
    Porque não acabaram com a patente de soldado e cabo?

    PORQUE QUANTO MAIS HIERARQUIZADO MELHOR NÉ!

    PELO VISTO TEREMOS QUE LUTAR PELA DESMILITARIZAÇÃO!!!

    VALA COMUM? PREVIDÊNCIA? CONVERSA DE OFICIAL PRA ENGANAR OTÁRIO!

    DESMILITARIZAÇÃO JÁ!!!

    ResponderExcluir
  14. CAMPANHA CONTRA O PLANO DE CARREIRA SAFADO DOS QOPM!

    O CERTO: O TEMPO DE SERVIÇO DEVE SER CONTADO!!!!
    CARREIRA: SARGENTO >>>> 05 ANOS SUB >>>> 10 ANOS PARA ATINGIR O POSTO DE TENENTE
    PROVA PARA CAPITÃO, MAJOR E CORONEL!!!!!

    06 PATENTES E MENOS MILITARISMO NA PM OU O FIM DA PM!!!!

    AGENTE DE POLÍCIA CIVIL (Lei 12804/13):
    Início de carreira, em 2016: 8.698,78 + Alimentação.
    Final de carreira, após 14 anos (2030): 13.751,51 + Alimentação + R$ 100,00 por dependente (SAÚDE) fora gratificações existentes na corporação.

    AGENTE DO DETRAN – agora auditor (Lei 5227/13):
    Início de carreira, em 2016: 13,700,00 + Alimentação e auxílios, fora gratificações existentes na corporação.
    Final de carreira, após 14 anos (2030): 19.539,48 + Alimentação e auxílios, fora gratificações existentes na corporação.

    POLICIAL MILITAR – Praça (Leis 12804/13 e proposta do GDF):
    início de carreira, em 2016 (sem dependente): 6.460,00 incluindo o auxílio alimentação.
    Policial com 14 anos de serviço (sem dependente): 6.780,30 incluindo o auxílio alimentação.
    Obs.: Não existem gratificações na PMDF, apenas para os comandantes.

    Conforme podemos observar, um policial militar não goza de uma carreira que dê fluidez nas suas promoções. Ao passo que os componentes de outras carreiras possuem uma ascensão funcional definida, chegando ao topo de sua carreira com 14 anos de serviço, NA PRÁTICA o militar não tem a mesma garantia. Assim, segundo a lei atual (12.086/09), um Soldado com 14 anos de serviço somente será promovido a CABO (uma promoção apenas). Se compararem com as outras instituições, é possível observar o tamanho da aberração e o motivo principal das reivindicações dos militares, haja vista que um militar com 20 anos de serviço pode não ter uma remuneração sequer igual ao início de carreira de outros órgãos.

    Por isso, se faz imperativo uma REESTRUTURAÇÃO DE CARREIRA DECENTE) O RESTO É PALHAÇADA!

    DIGA NÃO A PROMOÇÃO A CADA 04 ANOS, O ENGESSAMENTO DA CARREIRA E A MEGALOMANIA DOS OFICIAIS DE SEREM CHAMADOS DE "VOSSA EXCELÊNCIA"!!!

    ESSE PLANO DE CARREIRA DOS OFICIAIS JOGA O TEMPO DE SERVIÇO QUE OS ANTIGOS JÁ TEM NO LIXO.

    ENQUANTO HOUVER MILHARES DE PATENTES AS PRAÇAS IRÃO CONTINUAR NA MISÉRIA!
    PATENTE DE SOLDADO, CABO, 2º SARGENTO E 1º.... REDUÇÃO JÁ!
    OFICIAL QUER MILITARIZAR AINDA MAIS A PM E IMPEDIR AS PRAÇAS DE TEREM DIGNIDADE!

    QUEREMOS UMA LEI COM BASE NA LEI 8.112 (LEI DOS SERVIDORES CIVIS) E NÃO UM PLANO DE CARREIRA QUE SÓ BENEFICIA OS DITADORES DA PM!!!

    JUSTIÇA JÁ!!!!

    ResponderExcluir
  15. Ganhamos um aumento de merda com a Operação Tartaruga (sim!!! só veio depois da operação).

    Os oficiais já atingiram o céu (equiparação com os delegados), agora faltam as praças!!!
    Só conseguiremos através dela!!!

    A NOSSA FORÇA É O NOSSO TRABALHO!!!!!
    VAMOS VOLTAR A OPERAÇÃO TARTARUGA ATÉ QUE SEJA ASSINADO UM PLANO DE CARREIRA DIGNO !!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo plenamente, agora é a hora de marcarmos uma assembleia e forçar que o governo faça uma reestruturação digna. O momento é propicio, pois o Sr. Agnelo não vai querer manchar ainda mais seu nome. Agora é a hora.

      Excluir
    2. É MESMO? ENTÃO QUE TAL COMEÇAR PUXANDO A FILA? ALUGUE UM CAMINHÃO DE SOM E CHAME A TROPA PARA A PRAÇA. SEJA SINCERO COMPANHEIRO OS ÚNICOS QUE FIZERAM ISSO, COM EXCEÇÃO DO POLIGLOTA, ENFIARAM O RABO ENTRE AS PERNAS E ESTÃO PREOCUPADOS COM SUAS CANDIDATURAS. AS ASSOCIAÇÕES SE VENDERAM PRO GOVERNO E TEM CANDIDATO QUE ESTÁ ATÉ COLIGADO A PARTIDO DE GOVERNO. CADÊ O NCP, A ASPRA, A CIFAIS, A ARMILC, A ASOF, A CABEN, O CLUBE DOS BOMBEIROS QUE NÃO TOMAM FRENTE E FAZEM ENTÃO?A HORA NÃO É DE ASSEMBLEIA E TARTARUGA SE FAZ QUIETINHO E TODO DIA. A HORA É DE COLOCAR O POLIGLOTA NA CLDF E DEIXAR O PAU QUEBRAR. A MINHA PARTE EU TÔ FAZENDO VOCÊ TÁ FAZENDO A SUA?

      Excluir
    3. Anônimo dás 15:33 discordo do seu discurso sobre assembleia nesse momento, o ideal na minha o opinião é firmarmos em colocar um distrital na CLDF e tirar esse governo do PT que está no poder, também é bom lembrar que a OT está em stand by e é só ligar o botão quando necessário.

      Excluir
    4. Devemos fazer uma assembleia para escolher os nossos representantes, estou dentro eu e minha familia.

      Excluir
  16. PARA REFLEXÃO DOS COLEGAS:

    Promoções para agosto:

    29 Subtenentes
    103 Primeiros Sargentos
    113 Segundos Sargentos
    135 Terceiros Sargentos
    01 Cabo

    E aí? É isso que você policial quer e deseja para seu futuro? Você sabia que no Corpo de Bombeiros, que tem a mesma legislação, porém um COMANDANTE, os únicos soldados existentes são os formados em maio último?

    Você sabia que existem 286 vagas para Cabo e simplesmente os colegas não foram promovidos porque alguém "NÃO QUIS"? As reduções foram feitas somente de cabos para terceiros sargentos, de terceiros para segundos sargentos e de segundos sargentos para primeiro, já que para subtenentes já havia interstício completo dos primeiros sargentos. Não sei a razão, mas com certeza querem segurar os soldados aqui até completarem 10 anos. Vergonha.

    Precisamos mudar isso e só faremos isso com união e escolhas certas. Seja consciente, observe seu candidato, veja com quem ele está coligado (por mais que negue) e se ele apresentou algum projeto. Não o escolha por amizade ou por interesses, pois acima de tudo estará em jogo a sua carreira e o seu futuro.

    Grande abraço,

    Poliglota25190...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. AS FALAS DESSA DEPUTADA SOMADA COM O ATUAL PRESIDENTE DA CLDF.. DIGAMOS QUE PODEM TER SIDO ATÉ BONITINHAS... ATINGIU NA MOSCA O QUE TODOS QUEREMOS OUVIR!! NUM É VERDADE??

      NO ENTANTO, DUVIDO SE TODOS JÁ PARARAM PRA PENSAR??
      QUEM É ESSE TAL DE WASNY??
      NÃO É POSSÍVEL QUE ESQUECERAM O QUE SUA BABAOVA DISSE NA CARA DE UM COLEGA... LEMBRARAM?? TEM ATÉ VÍDEO...

      JÁ A CELINA, DIGAMOS QUE NÃO TENHO NADA CONTRA..

      PORÉM, NÃO QUEREMOS FALAS BONITAS OU DE IMPACTOS!!


      CHEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEGA!!!


      QUEREMOS É AÇÃO.. PRATICA... ALGUÉM QUE DE FATO NÃO CHAME APENAS NOSSA ATENÇÃO QUANDO O CIRCO ESTÁ JÁ ARMADO!!
      QUEREMOS PROATIVIDADE.. ALGUÉM QUE ALÉM DE FALAR, TORNE AS PALAVRAS NO MÍNIMO VÁLIDAS.
      E ISSO NÃO É TÃO DIFÍCIL.. BASTA TER VONTADE E PRINCIPALMENTE "NÓS RESPEITAR", COISA QUE NÃO É DE HOJE QUE NINGUÉM FAZ POR NÓS.

      RESUMINDO, ESSAS FALAS SÃO BOAS DE OUVIR... PORÉM, ESTAMOS FARTOS DE APENAS BLÁ BLÁ BLÁ.. E SER SEMPRE O DESCRIMINADO, EXCLUÍDO... E ETC!! PRECISAMOS DE AÇÕES.. POIS QUANDO COBRAM NOSSO SERVIÇO, NÓS NÃO PEDIMOS NADA.. A NÃO SER O ENDEREÇO PARA PRESTAR O SERVIÇO DA MELHOR FORMA POSSÍVEL.. É CLARO, QUANDO HÁ MEIOS, PORQUE HOJE NEM ISSO TEMOS.. E MUITOS PRÉ-CANDIDATOS AO GDF AINDA TEIMAM COM ESSA M**** DE KINDEROVO OU PIOR, COSME E DAMIÃO.. AMBOS SÃO SERVIÇOS SEM QUALQUER TIPO DE RESULTADO. OU VEM ME DIZER QUE VAGABUNDO TEM MEDO OU DEIXA DE PRATICAR SEUS ATOS SÓ PORQUE ESTAMOS POR PERTO... ORAS!! QUEM JÁ FICOU NOS PCS SABE QUE AQUILO NÃO LHE DÁ NEM VISÃO DE QUEM ESTÁ NA PORTA.. DO QUE DIZER DO PERIMÊTRO. VAMOS EVOLUIR...

      NOVINHUUU

      Excluir
    2. ENTÃO, AMANHÃ É O GRANDE DIA!!
      E SABE DO QUE??

      O DIA EM QUE NOVAMENTE ESSE ATUAL CMT GERAL JUNTAMENTE COM O CH DA DGP VÃO LITERALMENTE PRETERIR TODOS AQUELES QUE HOJE SÃO DO CFP1 E 2..
      E SABE PORQUE??

      PORQUE HOJE EXISTE "SIM" VAGAS PRA PROMOVER QUASE QUE 80% DOS COLEGAS QUE SÃO DO CFP1..

      E PORQUE NÃO SÃO PROMOVIDOS!!

      DIGO COM TODAS AS LETRAS: "PORQUE ELES (OS CITADOS AQUI) NÃO QUEREM", ISSO MESMO.. NÃO QUEREM E NEM FAZEM QUESTÃO. POIS SE FIZESSEM, HOJE ESTARÍAMOS IGUAL AO BM. E NÃO VEM DIZER QUE ISSO OU AQUILO NÃO PODE.. ORAS, O ANTIGO CMT GERAL DE LÁ, REDUZIU ATÉ PROMOVER OS COLEGAS... E PERGUNTA SE ELE RESPONDE ALGUMA COISA POR CUMPRIR A LEI?? RESPONDEU TANTO QUE FOI FORÇADO A APOSENTAR. MAIS NÃO POR COMETER ERROS, E SIM POR TER CUMPRIDO OS 6 ANOS DE CEL.

      PORTANTO, VAI SÓ UMA DICA.. DA MESMA FORMA QUE O SUAMY TEVE QUE SE RENDER AOS CFP´S POR ESTÁ IMPEDINDO NA ÉPOCA A PROMOÇÃO DE 1CLASSE (QUE QUERENDO OU NÃO BENEFICIOU INCLUSIVE DIVERSOS COLEGAS QUE PASSARAM QUASE 9 ANOS COMO RECRUTAS E JÁ AJUDOU AO BM NÃO COMETER O MESMO ERRO COM AS TURMAS RECEM FORMADAS)... A SUA HORA VAI CHEGAR, POIS O QUE ESTÁ FAZENDO É ALTAMENTE IMORAL, PRA NÃO DIZER OUTRA COISA.

      DETALHE, HOJE NO BM... TODOS QUE FORMARAM NO CFP A OU CFP B (EQUIVALENTE AO NOSSO CFP 1 E 2).. SÃO SIM "CB´S". SÓ NÃO FORAM PROMOVIDOS OS QUE FORMARAM ESSE ANO..

      OU SEJA, EU QUERO VER QUEM É O SER ILUMINADO QUE CONSIGA ME PROVAR DO PORQUE LÁ PODE E AQUI NÃO PODE??
      ORAS.. ATÉ AONDE EU SEI E TENHO CONHECIMENTO.. A LEI E IGUAL PRA AMBOS EM DIVERSOS SENTIDOS.. E PORQUE LÁ QUANDO EXISTE VAGAS, REDUZEM ATÉ PROMOVER.. CUMPRINDO ASSIM OS REQUISITOS DA LEI.

      ENTÃO.. PAREM E PENSEM..

      VOCÊS ESTÃO DE SACANAGEM COM A NOSSA CARA!!
      E AQUELE PRAÇA DA SUA ÉPOCA QUE MAL TINHA O FUNDAMENTAL, HOJE TEM BOA PARTE DIVERSAS ESPECIALIZAÇÃO OU ATÉ MAIS... INCLUSIVE, PARA POR EM PRÁTICA A ESCOLINHA DE POLÍCIA E ETC NOS MOLDES PREVISTOS PELO MEC, FOI GRATO AO "CB" QUE TEM DOUTORADO. ESTOU MENTINDO??
      POIS SE FOSSE DEPENDER DE OFICIAL.. JÁ SABERÍAMOS O RESULTADO!!

      PORTANTO, NÓS RESPEITEM E PRINCIPALMENTE NOS VALORIZEM... NÃO ESTAMOS COBRANDO NADA DE ERRADO APENAS O QUE É DE DIREITO!!

      NOVINHUUU

      Excluir
    3. Volto a repetir o meu voto vai ser para o melhor colocado, tudo indica que é o Poliglota.

      Excluir
  17. Vossa excelência o Cel . Chamando patrulheiro motorista para ir para uma reunião.KKK !!!
    Diretor do Detran convidando um auditor para ir a uma reunião.
    Delegado de polícia convidando um agente de polícia para ir a uma reunião.


    Quantas diferenças de tratamentos e tantas diferenças de salários!!!

    ResponderExcluir
  18. Parabéns Carlos Mackalister, pela sua primeira aparição hoje no horário eleitoral . Que possamos unir forças em prol de se eleger pelo menos um representante. E quem sabe dois. Por que não? Aqueles que mantiveram fieis às pregações do NMU estão todos juntos, obedecendo a mais um pedido das categorias, e isso ninguém pode negar. Você, o Poliglota e o Rivailton, através de seu irmão Vielton também candidato, estão todos unidos no mesmo partido (DEM). E eu (Indignado) juntamente com outros aqui de fora estamos tentando aumentar ainda mais essa corrente. Um abraço meu irmão.

    ST EUSVAN (INDIGNADO)
    NMU

    ResponderExcluir
  19. Pois é,cada um apresenta um plano de reestruturação do jeito que acha,......uma coisa de louco!

    ResponderExcluir
  20. Fala sério nunca ninguém fez nada e nas eleições aparecem 500 salvadores da pátria...

    ResponderExcluir
  21. onten no debate da band dos candidatos a governador o sr agnelo disse que vai colocar 500 duplas de cosme e damiao na area central de brasilia ja q formaram mais de mil policiais,onde esse homem ta querendo chegar kkkkkkkkkk ele e um comedia

    ResponderExcluir
  22. Piada, quem realmente está na linha de frente fica na M e tem que pagar pau para os almofadas que ficam no facebook do batalhão enquanto o praça ta ralando. Devemos lutar pela carreira unica, vamos acabar com esse elitismo e vamos estimular a meritocracia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vou falar uma coisa aqui que vão me criticar mas não estou nem aí. Dessa turma que está aí tentando representar a nossa tropa o único que teve peito para enfrentar o sistema foi o Poliglota. Não arregou nem com Conselho de Justificação no lombo vencendo categoricamente por 3x0.Por mais que queiram classificá-lo como oficial o cara não passou nem 4 meses na mamata e foi embora, o que muitos deveriam fazer pra abrir vagas e ficam aí empacando promoções.esteve em meu batalhão e nem tocou no nome de outros candidatos mostrando ética e respeito e apresentou para nós somente seu projeto.Arriscou sua candidatura indo para um partido sem coligação com ninguém e tendo como presidente um FDP que ninguém gosta na PM, mas sem fugir de seu ideal.Seus votos não irão pra nenhum paisano e não ajudará a colocar alguém lá sem vinculo com nossa classe. Por isso decidi que meu voto é do Poliglota e quantos eu puder vou levar junto comigo.Avante Poliglota25190, eu pelo menos estou contigo.
      CFP IV e de olho

      Excluir
  23. Irmão CFP IV

    Fico feliz em saber que estão acompanhando nossa luta em prol das melhorias da corporação que em breve vocês irão fazer parte, não tenham dúvidas que a instituição que logo vocês também serão donos, estará bem melhor do que quando muito de nós entramos, pois com certeza, lá estará o POLIGLOTA ELEITO que não aceitará mais que ninguém diminua ou menospreze a POLÍCIA QUE TANTO AMAMOS.
    Deixo a disposição meus telefones, acaso desejam conversar, apresentar demandas ou até mesmo sugerir ações.

    8419-4118 oi/zap e 91694447 claro

    SGT Godoi Coordenador Geral de Campanha - POLIGLOTA 25190

    ResponderExcluir
  24. VOLTA À PAUTA DA CCJ ASSISTÊNCIA À SAÚDE E SEGURO DE VIDA PARA POLICIAIS MILITARES


    A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) pode votar em breve proposta de emenda à Constituição que garante assistência à saúde e seguro de vida a policiais civis e militares. A PEC 16/2014, do senador Fernando Collor (PTB-AL), deve constar da pauta da próxima reunião da comissão, em data a ser definida.
    Em voto favorável à aprovação, a relatora na CCJ, senadora Lúcia Vânia (PSDB-GO), sugere apenas uma mudança para incluir também os bombeiros militares e os agentes penitenciários.
    Na proposta, Collor sugere acrescentar um parágrafo ao artigo 144 da Constituição para garantir aos policiais a assistência à saúde e o seguro de vida, "compatíveis com os riscos de sua atividade profissional". O texto estabelece que o custo deve ficar integralmente a cargo do ente federado responsável pela respectiva força policial.
    "Essa providência possibilitará não apenas que se faça justiça com esses valorosos servidores públicos, como significará, sem dúvida, uma garantia de melhoria da segurança pública, na medida em que permitirá que os profissionais da área exerçam de forma mais plena a sua missão", argumenta o senador.
    A proposta constou da pauta da última reunião da CCJ, mas não chegou a ser votada. Inicialmente, a relatora Lúcia Vânia sugeriu apenas a inclusão dos bombeiros militares, por considerar que a categoria corre riscos semelhantes aos enfrentados pelos policiais. No entanto, ela pediu para modificar o relatório, avaliando que, pela mesma razão, as garantias devem ser estendidas também aos agentes penitenciários.
    Agora, Lúcia Vânia vai solicitar ao presidente da CCJ, Vital do Rêgo (PMDB-PB), que a matéria volte à pauta de votações já na próxima reunião. Se aprovada na comissão, a proposta seguirá para discussão e votação, em dois turnos, no Plenário.
    Fonte: Agência Senado - publicado em 19/08/2014

    POSTADO POR PRAÇA ATENTA

    ResponderExcluir
  25. ACESSE: http://celinaleao12123.blogspot.com.br/p/blog-page_16.html CELINA LEÃO QUER OUVIR VOCÊ...

    ResponderExcluir
  26. Plagiando meu amigo Odir Ribeiro, um "passarinho me contou" que um candidato do PSOL foi preso hoje fumando maconha e dirigindo. Por ironia do destino quem o prendeu foi exatamente uma guarnição de policiais do BOPE, Batalhão de Elite da PM, que o candidato Toninho do PSOL disse que quer acabar. Vamos ver se esse passarinho sabe tudo mesmo..

    Abraços,

    ResponderExcluir
  27. É NA LEOLINA QUE IREI VOTAR!!
    JÁ QUE OS EX NOSSOS REPRESENTANTES NÃO NOS DEFENDEM EM NOSSOS INTERESSES, TEMOS QUE SER REPRESENTADOS POR UM CIVIL MESMO!!!
    JÁ TIVEMOS VÁRIOS REPRESENTANTES DA PM E DOIS DOS BOMBEIROS E SIMPLESMENTE FORAM UNS BANANAS AGINDO APENAS PELOS SEUS INTERESSES!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Irmão de farda...

      É triste quando fazemos este tipo de leitura, mesmo depois de alguém comprometido com a instituição ter convocado a operação legalidade, ter sido processado, ido a conselho, tribunal imputar multa diária pela operação, observarmos que um policial prefere uma paisana ao seu representante da instituição. O que me acalenta é saber que a grande maioria dos policiais pensam diferente, que nos recebem em nossas andanças pelos batalhões veem no POLIGLOTA 25190 seu legítimo representante, ISTO QUE NOS DÁ COMBUSTÍVEL PARA CONTINUAR A LUTA...

      Abraço SGT Godoi

      Excluir
  28. A leolina deve ter prometido alguma coisa pra esse cidadão das 06:55, é cada uma que aparece aqui. 25.190 poliglota.

    ResponderExcluir
  29. Me farei representar na casa do povo o POLIGLOTA 25190, eu e meus parentes que conquistei ao todo sao 07 votos e pedi a eles que em conversas com amigos faça o mesmo com os indecisos, agora e so esperar o dia da confirmação de nossa luta todos somos forte.

    ResponderExcluir

1 – Para comentar no Blog do Poliglota você poderá informar, além do seu nome completo, um apelido que poderá usar para escrever comentários.

2 – Serão eliminados do Blog tenpoliglota2012 os comentários que:
A - Configurem qualquer tipo de crime de acordo com as leis do país;
B - Contenham insultos, agressões, ofensas e baixarias;
C - Reúnam informações (e-mail, endereço, telefone e outras) de natureza nitidamente pessoais do próprio ou de terceiros;
D - Contenham qualquer tipo de material publicitário ou de merchandising, pessoal ou em benefício de terceiros.
E – Configurem qualquer tipo de cyberbulling.

3 – A publicação de comentários será permanentemente bloqueada aos usuários que:
A - Insistirem no envio de comentários com insultos, agressões, ofensas e baixarias;

Avisos:

1 – No Blog tenpoliglota2012, respeitadas as regras, é livre o debate dos assuntos aqui postados. Pede-se, apenas, que o espaço dos comentários não sirva para bate-papo sobre assuntos de caráter pessoal ou estranhos ao blog;

2 – Ao postarem suas mensagens, os comentaristas autorizam o titular do blog a reproduzi-los em qualquer outro meio de comunicação, dando os créditos devidos ao autor, com os devidos ajustes;

3 – A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica.

Os comentários estão liberados, no entanto àqueles que afetarem diretamente a honra e a imagem de quaisquer pessoa, física ou jurídica, àqueles que atentarem contra o decoro da classe, a honra e o pundonor militar serão MODERADOS.
tenpoliglota2012@gmail.com